BNDES Crédito Pequena Empresa

Olá pessoal, tudo bem? Sandrival Matos aqui e hoje trago uma novidade!

Algo que talvez possa ser uma solução muito interessante para muitas pequenas empresas!

Nesse artigo vou te explicar sobre a linha de crédito anunciada pelo BNDES e quais procedimentos devem ser feitos para conseguir.

E já vou deixar claro que você vai precisar de um pouquinho de paciência e de negociação com seu banco, já fiz aqui alguns contatos com pessoas que eu conheço que trabalham em bancos, fiz alguns questionamentos de como deve ser feito para adquirir e eu vou te falar um pouquinho disso.

Mas antes de mais nada é bom entender que esse crédito foi criado para combater esse período difícil em que estamos passando, uma recessão econômica, então empresas com faturamento anual de até 300 milhões de reais se enquadram como pequenas, micro e médias empresas, podem recorrer a essa linha de crédito do BNDES.

Você pode conseguir até 24 meses de carência, só que tem um outro ponto importante: Não é o BNDES que vai definir esse tempo, e sim a instituição financeira que deve estar de acordo, como comentei antes. As instituições financeiras podem te dar essa carência de até 24 meses, ou não.

Em questão dos juros você precisa entender que existem 3 tipos de taxa que você pode optar no BNDES

1- TFB (TAXA FIXA) que você pode consultar no site, e essa taxa é fixa, você que escolhe.

2- Taxa TLP (vinculado a inflação)

3- Taxa SELIC, a taxa Selic anunciada pelo governo não é exatamente a taxa que vai ser aplicada depois porque, a taxa Selic tem variação durante o ano, e agora está em 3.75%.

Depois de escolher uma das 3 taxas acima você tem um outro elemento que é o 1,25% ao ano. Essa é a remuneração do BNDES + um Spread que é uma taxa cobrada pelo seu agente financeiro, o BNDES divulgou que os agentes financeiros com cobram em torno de 3% á 8% ao ano então é uma negociação que vai ter fazer também com seu gerente até chegar em um valor mais próximo de 3% ao ano.

E o terceiro ponto que também é limitado a 70 milhões de operação a cada 12 meses por CNPJ, então você vai ter que se atentar a isso também, o BNDES não exige garantias e nem projetos, esse é o grande diferencial das outras linhas de crédito, você simplesmente vai pegar o recurso e usar livremente, não é um dinheiro carimbado. Porém a instituição financeira pode exigir uma garantia porque ela tem uma parcela de risco.

Outro ponto muito importante é que as instituições financeiras elas vão analisar esse crédito com base no seu relacionamento com eles, então se for um banco novo provavelmente vai ser mais difícil.

Os requisitos do BNDES são:

– Certificado de regularidade do FGTS.

– CND Certidão Negativa de Débitos.

– RAIS Relação Anual de Informações Sociais.

O BNDES não tem agência, então para evitar fraudes, fique atento, porque o BNDES não vai ligar para você! O atendimento ao público será feito no máximo pela sua instituição financeira do banco você escolheu.

Para adquirir esse benefício o BNDES divulgou quais passos você deve realizar:

1) Entrar em contato com o banco onde sua empresa tem conta.

2) Negociar com seu gerente

3) Banco irá enviar uma proposta pro BNDES

4) O BNDES irá aprovar ou negar imediatamente e repassa o contato para o banco.

5) O banco irá creditar o valor em sua conta.

O repasse do BNDES acontece em D+1 ou seja no dia seguinte.

Até aqui maravilha né? Pode ser a salvação para muitas empresas você pode pegar um recurso para uma boa carência não precisa pagar essas parcelas de início, mas agora vem uma dica muito importante! Como havia comentado eu conversei com alguns bancos e nenhum está comercializando ainda. O aviso foi feito a poucas semanas então provavelmente estão se preparando.

É muito importante salientar que é bem possível que você enfrentar resistência do seu gerente, por isso é bom que você vá em um banco que tenha bom relacionamento.

Aqui vão algumas dicas para te ajudar a conseguir.

1) Não adianta você ir a ferro e fogo porque você não vai conseguir nada, não adianta chegar falando que “tem direito, porque o presidente anunciou”, não se escora nisso! não se escora nisso agora porque não vai te ajudar em nada, chega no seu gerente conversa certinho, explica sua situação mostra que realmente você está precisando do recurso e ao precisar e que se ele poderia por gentileza ajudar a conseguir esse recurso, que desse modo irá ajudar sua empresa permanecer, e que futuramente vai voltar fazer mais negócios com o banco. Conversa com ele com pontos chaves mostrando que ele também irá sair no lucro futuramente.

2) Outro ponto importante, veja se todos os elementos que citei acima estão regulares.

Então é isso, espero que você consiga esse recurso. Se ficou com alguma dúvida entre em contato conosco!

Assista o vídeo abaixo para ter mais detalhes.

Conheça nossos serviços:

Contabilidade para MEI

Ganhe destaque com seu Microempreendimento por meio de um CNPJ. Evite dores de cabeça e contrate a nosssa contabilidade especializada para MEI. Estaremos lado a lado para ajudar no crescimento do seu negócio.

Saiba Mais

Contabilidade para Prestadores de Serviços

Você teve a oferta ideal para trabalhar naquela empresa que tanto queria. Mas te pedem abrir uma PJ e você não sabe por onde começar. Deixe a burocracia com a Conta Junto e usufrua do seu novo trabalho.

Saiba Mais

Contabilidade para Empresas de TI

Você respira tecnologia e sua contabilidade ainda é no papel? Aqui na Conta Junto somos especialistas em atender às demandas digitais. Foque apenas nos códigos e deixe a parte burocrática conosco.

Saiba Mais

Contabilidade para Advogados

Em muitos casos, é bem provável que o(a) Doutor(a) esteja pagando mais impostos do que deveria. Por isso é necessário ter uma contabilidade especializada no seu segmento. Nós da Conta Junto somos já ajudamos nossos clientes a economizarem até 83% com impostos.

Saiba Mais

Contabilidade para Produtores e Afiliados

Se preocupe apenas em alavancar ainda mais suas vendas e produzir conteúdos. A parte burocrática deixe com a gente.

Saiba Mais

Contabilidade para Médicos

Até quando ficará enviando planilhas e extratos para sua contabilidade? E até quando vai ocupar o tempo da sua secretária com a separação de papéis? Com a Conta Junto sua preocupação será com quem mais importa para seu negócio: Seus pacientes.

Saiba Mais

Veja mais conteúdos:

Qual a importância do fluxo de caixa para a empresa e como fazer

A falta de um rigoroso controle do fluxo de caixa é, com certeza, um dos principais pecados capitais do mundo dos negócios. Afinal, é a partir dele que é possível fazer toda a gestão financeira da empresa, determinando, por exemplo, se há lucro. Mas você sabe como calcular o fluxo de caixa? Sua empresa está […]

Continuar Lendo…
Como abrir e manter uma microempresa

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) garante que no Brasil seis em cada dez novos empreendimentos fecham suas portas antes mesmo de completar quatro anos de atividades. Os motivos são variados, mas todos convergem para um mesmo problema: má administração e falta de gestão financeira. Não basta abrir uma microempresa. É preciso mantê-la […]

Continuar Lendo…
O que abrir: Uma microempresa (ME), uma empresa de pequeno porte (EPP) ou uma microempresa individual (MEI)?

Todo empreendimento de sucesso começa sempre da mesma forma: a partir de uma boa ideia ou de uma oportunidade de negócio que aparece para o empreendedor. Mas é claro que esse sucesso também dependerá de muito trabalho, um pouco de sorte e da formalização correta para o negócio. Afinal, o que abrir: uma microempresa (ME), […]

Continuar Lendo…