3 passos infalíveis para resolver qualquer situação de conflito na sua empresa

Não há nada mais desagradável que uma empresa repleta de conflitos entre os funcionários. São empresas em que os funcionários brigam, se desentendem, há um disse-me-disse, mas nada é feito.

Infelizmente, muitas vezes esse tipo de situação é até mesmo alimentada por alguém em posição de liderança, que ao invés de buscar resolver todo conflito e reestabelecer o convívio profissional dentro da empresa, acaba por tomar um dos lados e perpetuar o problema.

A primeira regra inegociável da resolução de conflitos interpessoais é sempre resolvê-los o mais rápido possível. A razão disso é o fato de que conflitos escalam rapidamente. Um desentendimento bobo mal resolvido pode criar situações problemáticas no futuro.

Aqui também vale mencionar que conflito não significa apenas briga ou situações de discussão mais acalorada. Situações potenciais de conflito, como fofocas, denúncias, comentários inapropriados e comportamento anti-profissional, todas também devem ser resolvidas o mais rápido possível para evitar que evoluam ainda mais.

Se os funcionários da sua empresa estão sempre envolvidos em algum tipo de conflito interpessoal, segue a leitura que daremos 3 passos essenciais para resolver qualquer situação desse tipo:

Isole as partes

A primeira regra direta para a resolução de conflitos é isolar as partes envolvidas e escutá-las individualmente. Nunca tente resolver um conflito colocando todas as pessoas juntas. Na maioria dos casos, os conflitos acontecem porque as partes não estão conseguindo se comunicar. Por isso, colocá-las juntas não resolverá o problema.

Ouça as partes em separado e mostre-se compreensível a cada uma delas (claro, se isso for possível). Comprometa-se que irá ajudar a resolver o problema de cada um. Lembre-os que ali é um ambiente profissional, o qual demanda respeito e preocupação com as demandas da empresa.

Identifique a parte difícil

A segunda dica para resolução de conflitos é identificar a parte difícil. Esse é um princípio básico da negociação, mas que também se aplica a resolução de conflitos. Em toda situação de conflito sempre haverá uma parte irredutível.

Sempre há alguém que está sendo mais emocional que os outros. Essa pessoa acaba sendo a mais difícil de lidar. Isso porque ela se torna irredutível e incapaz de ouvir outras opiniões. Daí a importância do líder.

O papel do líder, então, servirá de mediar o conflito e oferecer um ponto de vista imparcial sobre o que está acontecendo. Para isso, o líder deverá se comunicar com a parte mais difícil e buscar ouvi-lo de maneira atenta, buscando acalmá-lo e sem qualquer juízo anterior.

É essencial que o mediador jamais emita uma opinião logo de início com a parte mais difícil. Seu papel inicial será apenas de ouvi-lo.

Aos poucos, ofereça outras perspectivas sobre o que está acontecendo, de modo a levar a pessoa a refletir um pouco mais sobre o seu comportamento dentro da situação. Novamente, mostre-se compreensível, mas sempre lembre que ali é uma empresa e que determinados comportamentos devem ser evitados.

Ofereça uma solução a ambos

Por fim, ofereça uma solução a ambos e procure restaurar o mais rápido possível o comportamento amistoso e profissional dentro da empresa.

Note que oferecer uma solução não significa oferecer dinheiro, aumento, ou qualquer outra coisa. Significa apenas fazê-los enxergar que tudo pode estar resultando de um grande mal-entendido ou um mero erro de comunicação.

Se possível, você também pode resolver a situação a partir da reorganização da equipe, e da mudança de algumas posições na estrutura de comando. Muitas vezes, as pessoas entram em conflito porque não querem receber ordem de uma determinada pessoa.

Por isso, às vezes o melhor a fazer é colocá-las em pé de igualdade dentro da cadeia de comando, assim evitando que a mesma situação ocorra novamente.

Utilize as regras acima para resolver os conflitos dentro da sua empresa. Porém, o essencial é que você esteja sempre buscando eliminar comportamentos que são potenciais de conflito. (Recomendamos também ver este texto: Aprenda a como dar feedback ao seu colaborador)

Gostou deste texto e procura uma consultoria para sua empresa? Clique aqui e fale conosco!

Veja mais artigos do nosso blog:

3 passos infalíveis para resolver qualquer situação de conflito na sua empresa

Quais colaboradores selecionar para um treinamento?

Falamos especificamente de como investir em treinamento de uma maneira inteligente, em que se utiliza pouco para retirar o máximo de proveito daquele investimento. Mesmo assim, ainda há uma dúvida natural que vocês podem estar se perguntando: Como escolher o colaborador correto para um treinamento? Quais indicativos devo prestar atenção? Por isso, neste artigo comentaremos alguns indicativos fundamentais para que você saiba exatamente qual colaborador selecionar para um treinamento, além de saber que tipo de treinamento deve ser utilizado.

3 passos infalíveis para resolver qualquer situação de conflito na sua empresa

5 razões para investir no treinamento dos colaboradores

Você é daqueles empreendedores que está sempre repetindo que investir em treinamento é um gasto desnecessário para a empresa e que não vale a pena perder tempo treinando os colaboradores? Lembre-se que se ninguém está em um processo de evolução, de aprender mais, se dedicar mais, e querer mais, a empresa estagna. Rapidamente ela atinge o seu limite de crescimento e precisará de bastante esforço para sair dali.

3 passos infalíveis para resolver qualquer situação de conflito na sua empresa

5 dicas de como melhorar liderança e promover a independência dos colaboradores

Todo líder ou gestor alguma vez já viveu o drama de nunca conseguir se desligar da empresa porque percebe que basta se ausentar para que as coisas acabem desandando e logo tenha que intervir para que tudo volte ao rumo correto. O resultado disso é sempre desastroso: todas as decisões de todos os processos acabam tendo que ser tomadas por quem está no topo da cadeia de comando, algo que só gera improdutividade e uma imensa carga de trabalho nas costas do líder.

Conheça nossos serviços:

Contabilidade para Youtubers

Nossa Contabilidade para Youtubers é focada em gerar o menor trabalho possível para o produtor de conteúdo, deixando você livre para focar no que mais importa: produzir seus conteúdos!

Saiba Mais

Contabilidade para MEI

Ganhe destaque com seu Microempreendimento por meio de um CNPJ. Evite dores de cabeça e contrate a nosssa contabilidade especializada para MEI. Estaremos lado a lado para ajudar no crescimento do seu negócio.

Saiba Mais

Contabilidade para Prestadores de Serviços

Você teve a oferta ideal para trabalhar naquela empresa que tanto queria. Mas te pedem abrir uma PJ e você não sabe por onde começar. Deixe a burocracia com a Conta Junto e usufrua do seu novo trabalho.

Saiba Mais

Contabilidade para Empresas de TI

Você respira tecnologia e sua contabilidade ainda é no papel? Aqui na Conta Junto somos especialistas em atender às demandas digitais. Foque apenas nos códigos e deixe a parte burocrática conosco.

Saiba Mais

Contabilidade para Advogados

Em muitos casos, é bem provável que o(a) Doutor(a) esteja pagando mais impostos do que deveria. Por isso é necessário ter uma contabilidade especializada no seu segmento. Nós da Conta Junto somos já ajudamos nossos clientes a economizarem até 83% com impostos.

Saiba Mais

Contabilidade para Infoprodutores e Afiliados

Se preocupe apenas em alavancar ainda mais suas vendas e produzir conteúdos. A parte burocrática deixe com a gente.

Saiba Mais
Chamar no WhatsApp