6 dicas para acertar a precificação dos seus produtos

Sabe aquela sensação de que você trabalha, trabalha, mas sua empresa não sai do lugar? Sabia que a causa número um dessa sensação é não aplicar a precificação correta nos produtos?

Os erros de precificação fazem com que todo o dinheiro que entra na sua empresa não seja suficiente para custear todas as despesas. É aí onde você começa a patinar: atrasa salário dos colaboradores, está sempre utilizando o crédito para comprar matéria-prima, e todos os outros entraves conhecidos da vida de um empreendedor. E tudo acontece simplesmente porque o dinheiro não é suficiente, não é?

Confira então 6 dicas importantes para não cometer os mesmos erros e finalmente acertar a precificação dos seus produtos.

1 – Pare de se basear no preço dos outros

Não há problema em olhar o preço da concorrência para se ter uma ideia de qual seria a faixa de preço ideal para o seu produto. Porém, você nunca deve basear seus preços apenas na concorrência.

A razão para isso é muito simples: você não conhece a matéria-prima utilizada pela concorrência, nem a capacidade técnica de quem produz, ou os inúmeros outros fatores que afetam o preço de um produto.

Por isso, pare de tomar decisões sobre preço baseado no preço dos concorrentes. Faça o cálculo adequado do seu produto, e assim você estará garantindo o real crescimento da sua empresa.

2 – Saiba o valor da sua hora de trabalho

Sim, aprenda a definir o valor da sua hora de trabalho. Isso será importantíssimo para o cálculo do preço do seu produto. Se você vende um bolo que leva uma hora para produzir, pergunte-se quanto custa sua hora de trabalho e acrescente isso sobre o preço final do produto.

dicas para precificar um bolo

3 – Para ter uma precificação correta você PRECISA calcular os custos de produção

Aprenda a calcular os custos de produção do seu produto. Lembre-se também que cada produto possui uma maneira específica de fazer esse cálculo. Certos alimentos, por exemplo, devem ter os custos calculados por cada 100g, enquanto outros são calculados de maneira diferente.

Os custos de produção são os que mais afetam o preço do produto. É muito comum que donos de loja façam o cálculo errado desses custos e acabem tendo que baixar o preço do produto, ou até mesmo usar insumos mais baratos e de baixa qualidade.

Tudo isso, é claro, afetará a percepção que o seu cliente tem dos seus produtos. E, para deixar mais um conselho: jamais sacrifique a qualidade do seu produto. Jamais.

precificação

4 –  Calcule as margens de lucro

Aprenda a calcular as margens dos produtos. O passo a passo mais simples é o seguinte:

1. Determinar o lucro bruto daquele produto.

2. Dividir o lucro pela receita.

3. Multiplicar o resultado por 100.

Lembre-se que o lucro bruto é calculado subtraindo as despesas do produto menos a receita geral. Portanto, se o produto teve uma receita de R$ 2.000,00 ao longo do mês com despesa de R$ 500,00 para sua produção, o lucro bruto foi de R$ 1.500,00.  A partir daí, dividindo lucro por receita e multiplicando por 100, temos uma margem de 75% de lucro.

Saber as margens de cada produto faz com que você saiba exatamente quanto pode abrir mão de um produto e possa criar promoções e outras ofertas atrativas. Além disso, isso garante um conhecimento mais profundo sobre o seu catálogo de produtos. O que nos leva a uma outra dica importantíssima:

5 –  Entenda qual o seu 80/20

Segundo a regra 80/20, também chamada de Princípio da Eficiência de Pareto, há cerca de 20% de produtos que é responsável por 80% do faturamento da sua empresa.

Identifique quais produtos estão no seu 80/20. São esses produtos que você deve conhecer a fundo. Errar o preço deles pode trazer sérios problemas para sua empresa, pois parte da sua receita estará comprometida.

6 – Entenda a diferença entre preço e valor

Entenda a diferença entre um produto de preço alto e de valor alto. As duas coisas não precisam coincidir. É possível ter um produto de preço baixo, mas de alto valor.

Por isso, aprenda a diferenciar preço de valor. O valor de um produto está diretamente ligado à experiência que ele proporciona e àquilo que consegue agregar na vida do cliente. Por isso, ao invés de focar na obsessão de baixar o preço dos seus produtos, foque na obsessão de aumentar o valor deles.

Foque no valor, e ninguém se importará com o preço. Esse deve ser o seu lema. (Quer saber mais sobre a diferença entre preço e valor? Veja este texto: Entenda a diferença entre preço e valor)

Gostou deste texto e gostaria de realizar um diagnóstico contábil na sua empresa para melhorar a precificação dos seus produtos? Clique aqui e fale conosco.

Veja mais artigos do nosso blog:

Abrir conta no Linker vale a pena?

Se você é empreendedor, com certeza já viveu a dificuldade de encontrar a conta PJ adequada para gerir as finanças da empresa, receber pagamentos, além de realizar as diversas operações necessárias para o dia a dia de um negócio. Segue a leitura que falaremos de uma conta capaz de suprir essa necessidade

10 dicas do que fazer para manter o crescimento da empresa

Muitos empreendedores se perdem quando a empresa começa a crescer. É comum que acabem gastando dinheiro demais, ou tomem decisões e ações que acabam atrapalhando o crescimento da empresa. Para que você possa evitar esses erros, separamos 10 dicas do que fazer para ter a certeza de que sua empresa continuará crescendo. Tudo deve ser feito e pensado a longo prazo. Porém, tenha em mente que o máximo que você conseguir fazer de tudo isso certamente colocará sua empresa no caminho certo.

Como evitar o stress e o cansaço: 10 dicas para empreendedores

O cansaço e o stress são os grandes vilões da vida de qualquer empresário. Isso acontece em razão das longas jornadas de trabalho e do incessante foco em produzir mais e crescer mais. Como dizem: empresário não tem hora pra sair nem pra entrar. Não há um expediente a cumprir e tudo depende de suas decisões para acontecer. O resultado disso é o cansaço constante e a sensação de esgotamento interminável.

Conheça nossos serviços:

Contabilidade para Youtubers

Nossa Contabilidade para Youtubers é focada em gerar o menor trabalho possível para o produtor de conteúdo, deixando você livre para focar no que mais importa: produzir seus conteúdos!

Saiba Mais

Contabilidade para MEI

Ganhe destaque com seu Microempreendimento por meio de um CNPJ. Evite dores de cabeça e contrate a nosssa contabilidade especializada para MEI. Estaremos lado a lado para ajudar no crescimento do seu negócio.

Saiba Mais

Contabilidade para Prestadores de Serviços

Você teve a oferta ideal para trabalhar naquela empresa que tanto queria. Mas te pedem abrir uma PJ e você não sabe por onde começar. Deixe a burocracia com a Conta Junto e usufrua do seu novo trabalho.

Saiba Mais

Contabilidade para Empresas de TI

Você respira tecnologia e sua contabilidade ainda é no papel? Aqui na Conta Junto somos especialistas em atender às demandas digitais. Foque apenas nos códigos e deixe a parte burocrática conosco.

Saiba Mais

Contabilidade para Advogados

Em muitos casos, é bem provável que o(a) Doutor(a) esteja pagando mais impostos do que deveria. Por isso é necessário ter uma contabilidade especializada no seu segmento. Nós da Conta Junto somos já ajudamos nossos clientes a economizarem até 83% com impostos.

Saiba Mais

Contabilidade para Infoprodutores e Afiliados

Se preocupe apenas em alavancar ainda mais suas vendas e produzir conteúdos. A parte burocrática deixe com a gente.

Saiba Mais

Contabilidade para Médicos

Até quando ficará enviando planilhas e extratos para sua contabilidade? E até quando vai ocupar o tempo da sua secretária com a separação de papéis? Com a Conta Junto sua preocupação será com quem mais importa para seu negócio: Seus pacientes.

Saiba Mais
Chamar no WhatsApp