Descubra todos os custos que afetam o preço de um produto

Definir preço é uma dessas tarefas que todo empreendedor acha difícil e logo perde a paciência em querer aprender. Porém, a realidade é que encontrar o preço correto para um produto é bastante fácil, mas depende de que se conheça todos os custos que afetam o preço do produto.

No fim, o preço de um produto está intimamente ligado ao seu custo de produção. Dentro desse custo, pode entrar os gastos com matéria-prima, os salários dos funcionários, os impostos, e até mesmo o valor da hora de trabalho da pessoa que produz.

Neste post vamos te ajudar a entender todos os custos que afetam o preço de um produto.

Esses são os custos que afetam o preço do seu produto

Quais custos que não podem faltar no preço final?

Ainda que você não tenha paciência para aprender fórmulas de cálculo de preço, procure aprender ao menos os custos principais que devem ser considerados na hora de estipular o preço correto do seu produto:

1) Custos fixos

Os custos fixos são obrigatórios de incidir no seu preço. Eles servirão de base para calcular suas margens e o valor mínimo dos seus produtos ou serviços. De um modo geral, nos custos fixos entram todos aqueles gastos necessários para manter sua empresa funcionando minimamente.

Alguns exemplos de custos fixos para você se orientar:

– Aluguel,

– Salários dos colaboradores,

– Água, luz, internet,

– Impostos, seguros e outras taxas,

– Despesas administrativas,

– Dentre outros.

A precificação dos seus produtos deve levar em consideração os custos fixos totais e encontrar o valor exato capaz de “pagar” esses custos dentro de um número razoável de vendas.

Os custos fixos devem está no seu preço

2) Custos variáveis

Os custos variáveis são aqueles que ocorrem devido a oscilação do número de vendas. Por exemplo, para vender mais de um determinado produto, é provável que você terá que comprar mais matéria-prima, contratar ajudantes, e assim por diante.

Em determinados períodos do ano, como natal e final de ano, é muito comum que as empresas elevem seus custos variáveis para atender uma maior demanda, como exemplo: embalagens personalizadas, enfeites e tudos mais… Além de oferecer diferentes produtos ou serviços. Ou seja, o preço desses produtos também deverá levar em consideração esses custos variáveis.

3) Custos diretos

Os custos ainda podem ser diretos ou indiretos. Os custos diretos são aqueles que estão diretamente ligados à produção daquele produto ou serviço.

Por exemplo, para produzir uma unidade de cachorro-quente, há uma quantidade de produtos mínimos necessários que são os custos diretos para aquele produto.

Descubra todos os custos que afetam o preço de um produto

4) Custos indiretos

Já os custos indiretos são aqueles que não é possível prever quanto será gasto. Por exemplo, para produzir mais cachorro-quente, talvez você tenha que se deslocar a um outro supermercado com produtos melhores.

Assim, é provável que você gastará ainda mais com a gasolina para o deslocamento. Algumas pessoas ainda consideram custos indiretos gastos com supervisores, gerentes e colaboradores que não estão diretamente ligados à produção.

Aqui, não há uma regra de como situar o que é custo direto ou indireto. Porém, você deve fazer o máximo de esforço para saber todos os gastos que recaem sobre a produção do seu produto.

O recomendado é ter uma planilha própria discriminando todos esses gastos para que você possa ter um controle adequado.

Utilize o excel para definir os preços

Quer mais dicas de como ajustar preços? Veja aqui: 3 formas de definir e ajustar os seus preços do jeito certo

Ainda tem dúvidas sobre como por o preço correto no seu produto? Este vídeo pode te ajudar:

Relembrando os custos que não podem faltar no seu preço do seu produto:

1) Custos fixos;

2) Custos variáveis;

3) Custos diretos;

4) Custos indiretos.

Gostou deste conteúdo? Deixe um comentário aqui embaixo.

Veja mais artigos do nosso blog:

Descubra todos os custos que afetam o preço de um produto

4 estratégias de precificação para te ajudar a vender muito

A precificação de um produto é o ponto mais importante de qualquer empresa. O preço é o principal responsável pelo sucesso ou fracasso de qualquer negócio. Neste artigo, vamos te ensinar 4 estratégias de precificação imperdíveis! Um erro de precificação pode fazer com que sua empresa nunca avance e acabe num eterno de estado movediço, onde o empreendedor trabalha, trabalha, mas nada acontece.

Descubra todos os custos que afetam o preço de um produto

11 erros de precificação para você jamais cometer

Você é daqueles empreendedores que está sempre perdido com os próprios preços e nunca sabe se está fazendo certo ou errado? Este artigo é para você. 11 erros de precificação que você deve evitar a qualquer custo.

Descubra todos os custos que afetam o preço de um produto

Entenda o que é o ciclo de vida de um produto: dicas de precificação para o varejo

Precificar um produto corretamente não é tarefa simples. É necessário conhecer diversos fatores para poder encontrar o preço do seu produto. Neste texto, você aprenderá sobre um fator essencial: o ciclo de vida de um produto.

Chamar no WhatsApp