Para atuar como dentista, é necessário que o futuro profissional passe por algumas etapas. Uma delas diz respeito a informar-se sobre como abrir uma clínica odontológica.

Além disso, quando ainda está na universidade, além das longas horas de estudos e exames, chega o momento de procurar estágio e decidir em que setor da profissão irá se especializar.

Muitos optam por trabalhar em clínicas de outros profissionais já gabaritados no mercado. No entanto, há uma parcela que prefere abrir negócio próprio. Contudo, para que o investimento dê certo, é necessário que o profissional tenha boas habilidades de gestão e entenda de estratégias financeiras.

A seguir, separamos algumas dicas de como abrir uma clínica odontológica para que você possa decidir com mais facilidade se prefere, de fato, seguir o caminho do empreendedorismo.

Primeiramente: você já parou para pensar em como abrir uma clínica odontológica?

Se sim, a primeira dica é saber se você ao menos já esboçou em sua mente como seria gerenciar um consultório de odontologia.

Levante as seguintes questões: quais metas pretendo alcançar com este investimento nos próximos 5 anos? E daqui a 10 anos, como enxergo meu consultório odontológico e a base de clientes?

Dessa forma, você terá começado a traçar um caminho por onde seguir e, além disso, terá a certeza se quer mesmo realizar a caminhada do negócio próprio.

Entenda que, a depender dos objetivos que pretende alcançar, o investimento feito será diferente.

Muitas vezes, terá de desembolsar uma quantia maior de dinheiro, ou, dependendo do caminho escolhido, precisará investir mais em tempo ou em especializações.

Se seu desejo é cada vez mais expandir sua clínica odontológica, certamente o investimento inicial em capital será proporcionalmente maior.

Agora, se pretende oferecer um serviço diferenciado da concorrência, seria bem mais interessante, no momento, investir em especializações.

Primeiramente: você já parou para pensar em como abrir uma clínica odontológica?

Como abrir uma clínica odontológica: Análise do mercado de trabalho

Amar a profissão é um dos pontos importantes para o sucesso na carreira, mas saber como abrir uma clínica odontológica é muito mais do que isso.

Questões técnicas precisam ser resolvidas, dentre elas realizar uma análise objetiva de mercado.

Assim, organize suas ideias e procure entender que tipos de decisões também te trarão um maior retorno financeiro.

Dessa forma, entenda que, às vezes, você terá de colocar o bem estar de seus pacientes acima de suas preferências pessoais.

Quer ver um exemplo disso na prática? Muitos dentistas escolhem especializar-se em áreas que, no mercado, já estão saturadas de profissionais exercendo.

Ou seja, mesmo que eles tenham a possibilidade de exercer atividades as quais são mais simpáticas como dentistas contratados de clínicas já estabelecidas, acabam por abrir um consultório próprio e, no fim, frustram-se com o fato de terem de fazer o que, no fundo, não queriam. Isto porque, para que se destaquem no mercado, precisarão superar a grande concorrência.

Portanto, antes de mais nada, questiona-se:

●       Escolhi me especializar em determinada área, como está o mercado em relação a este tipo de atividade? Saturado ou com necessidade de mais profissionais capacitados?

●       O retorno financeiro para quem especializar-se nesta área é bom, mediano ou ruim?

●       Uma vez que decidi exercer a função, como a concorrência faz para aplicar suas estratégias de marketing e divulgação do consultório odontológico?

●       Afinal, a concorrência oferece um serviço de qualidade ou não?

●       O que poderei fazer para que meu consultório se diferencie positivamente dos demais?

●       Dentro da minha profissão, quais setores precisam de mais atenção e de profissionais devidamente capacitados?

Após responder a todas estas questões, você estará melhor orientado acerca do caminho que deve seguir, bem como saber com mais clareza como se destacar da concorrência.

Não subestime a importância de responder a estas perguntas, uma vez que sem o devido direcionamento, você pode optar por atender em um setor já saturado do mercado – o que lhe acarretará não apenas frustrações, como também prejuízos financeiros, pois, para se destacar, terá de investir muito mais dinheiro na divulgação da sua clínica odontológica.

Monte um plano de negócios que te oriente melhor em como abrir uma clínica odontológica

Aqui cabe uma pergunta semelhante a que foi sugerida anteriormente: daqui a tantos anos, que tipo de profissional pretendo ser?

Respondida a pergunta, faça desta resposta o plano de fundo dos seus negócios.

Assim, estipule metas a curto e médio prazo que, gradativamente, irão te ajudar a realizar o objetivo principal.

Imagine que esse objetivo é o topo da escada e, as metas, cada um dos degraus.

Portanto, saiba que determinar um plano de negócios bem elaborado e realista é fundamental para o sucesso do seu consultório odontológico.

Além disso, com este plano de fundo, você conseguirá compreender melhor como anda seu desempenho no decorrer deste projeto.

Por isso, defina parâmetros fáceis de serem entendidos e medidos, que possam refletir exatamente o que você pretende atingir com seu empreendimento.

Se ainda tem dúvidas em como realizar o planejamento, recomendo que baixe o meu e-book: 9 passos para construir uma empresa de sucesso.

Monte um plano de negócios que te oriente melhor em como abrir uma clínica odontológica

Uma dica quando o assunto é como abrir uma clínica odontológica, é pesquisar por KPI.

KPI é muito usado na administração de um empreendimento para indicar a performance do negócio.

Assim, em uma clínica odontológica, avalie o desempenho com o KPI, analisando, por exemplo, o número de pacientes atendidos por dia.

Em seguida, estabeleça uma média de preço para o atendimento, incluindo retorno dos pacientes, primeiras consultas, bem como os procedimentos realizados em cada um deles.

Imagine a seguinte situação: digamos que, por cada um dos atendimentos, o lucro da sua clínica seja de R$ 100,00. Se seu objetivo é lucrar R$ 1.000,00 por dia, terá de atender, no mínimo, 10 pacientes diariamente.

Bem, agora que você já sabe a média de pacientes que precisa atender por dia para atingir seus objetivos de lucro, defina em quanto tempo pretende alcançar essa métrica – 6 meses, 1 ano?

Assim, monte metas por trimestre e, de pouco em pouco, vá aumentando sua KPI. Uma outra dica de ouro é buscar por um software de gestão. Ele te ajudará a coletar dados e informações relevantes. 

Além disso, é bom que você esteja sempre atento às tecnologias de administração de negócios, pois elas serão de grande importância no sucesso do seu empreendimento.

Mas atenção! No exemplo que demos sobre número de pacientes por dia, não caia na armadilha de querer sempre manter um grande volume de atendimentos diários se sentir que seu lucro está diminuindo.

Aliás, todos estes detalhes precisam estar previstos em seu plano de negócios, diminuindo as chances de erros e aumentando o potencial da sua clínica odontológica.

Estabelecer os serviços que serão prestados é um dos critérios de como abrir uma clínica odontológica

Já parou para pensar que é muito difícil encontrar um consultório odontológico que se especialize em um número limitado de modalidades de atendimento?

Geralmente, os dentistas querem adotar várias frentes porque é, de certa forma, uma segurança para o negócio. Ou seja, se uma das frentes não der muito certo, existem as outras que mantêm o estabelecimento funcionando.

Ademais, pense que é muito mais cômodo para um paciente realizar todos os procedimentos num só local ao invés de ter de procurar outros consultórios odontológicos para finalizar tudo que pretende fazer em questão de tratamento bucal.

Mas claro! Pense sempre antes de escolher os atendimentos que irá oferecer e decida-se pelos melhores e mais populares.

Além disso, parcerias também são muito importantes. Por exemplo, se vai trabalhar com implantodontia, é fato que os serviços que oferecerá a seus pacientes dependerá diretamente do setor de imagens.

Assim, uma boa parceria nesta área será ótima para os lucros da sua clínica odontológica.

Estabelecer os serviços que serão prestados é um dos critérios de como abrir uma clínica odontológica

Exigências legais ao abrir uma clínica odontológica

Aqui entra a questão de atentar-se à legislação: esta etapa é realmente necessária e requer bastante atenção.

Se montar uma clínica odontológica fora dos padrões estabelecidos pela legislação, certamente terá muitos problemas futuros, inclusive correndo o risco de ter seu empreendimento fechado e multas altíssimas.

Quando se trata de como abrir uma clínica odontológica, saiba que há normas sanitárias e de higiene próprias para que o local possa funcionar dentro da legalidade.

Mantenha-se atento também à legislação local, ou seja, do estado e município onde mora. Muitas vezes, eles possuem leis próprias que devem ser igualmente atendidas.

Você pode, por exemplo, realizar a solicitação da vigilância sanitária antes de dar início às obras da sua clínica. Dessa forma, providenciará, com antecedência, os reparos que devem ser feitos, evitando contratempos futuros.

Outro ponto é saber que, caso lide com procedimentos, precisará conferir as disposições contidas na RDC/Anvisa n° 306, de 2004. É ela que regula a coleta de resíduos, sempre assegurando a segurança e higiene dos profissionais, bem como dos pacientes e coletores

Ademais, no caso de sua clínica trabalhar com tratamentos radiológicos, existe a portaria SVS/MS n° 453, de 1998. Assim, vá pesquisando todos estes pontos e assegure que seu consultório odontológico estará funcionando dentro da lei e oferecendo o melhor atendimento aos pacientes.

Tributação para clínicas odontológicas

Por fim, veja a questão da tributação relacionada à classe dos dentistas.

Separe um tempo só para compreender, ao máximo, esta questão e, se preciso for, conte com a ajuda de um contador para lhe ajudar a ajustar todos os pontos da questão tributária de sua classe profissional.

Informe-se sobre declaração de imposto de renda e impostos municipais, principalmente.

Dessa forma, você já inclui todos estes valores no orçamento anual de sua clínica odontológica e, assim, evitará dores de cabeça futuras com relação ao fluxo de caixa.

Assista: como abrir uma clínica odontológica

Finalmente, escolha uma boa localização para sua clínica

O último passo de como montar um consultório odontológico é, sem dúvidas, escolher um local satisfatório para abrir seu negócio.

Pense num ponto que seja estratégico, ou seja: que tenha um bom fluxo de pessoas, boa pavimentação, grande área para estacionamento e, claro, um local limpo e localizado em bairro seguro.

Outra vantagem é se o local for perto de onde mora. Assim, economiza não apenas no tempo de chegada ao consultório, como também em combustível ou outros demais gastos, como aplicativos de transporte ou mesmo transporte público.

Ainda tem dúvidas? Entre em contato com nosso contador.

Veja mais artigos do nosso blog:

Contabilidade para profissionais da saúde

Contabilidade para profissionais da saúde

A contabilidade é um dos setores que mais auxiliam um profissional da saúde a abrir sua clínica. A área da saúde possui uma importância muito grande e os serviços oferecidos por ela são essenciais. Por esse motivo, quando um profissional da área da saúde enfim se forma, ele passa a ter diversas opções para trabalhar. Uma das melhores maneiras é por meio da abertura de uma empresa na área.

Como abrir uma clínica de radiologia

Como abrir uma clínica de radiologia

Você com certeza já foi a uma clínica de radiologia, não é? Mas já lhe ocorreu abrir uma? Empreender nessa área pode ser bem lucrativo. Isso se deve a um bom potencial para se explorar no mercado. São exames úteis para diagnosticar eventuais doenças, principalmente na odontologia.

Contabilidade para clínica veterinária

Contabilidade para clínica veterinária

Saiba tudo sobre a contabilidade para clínica veterinária. Um dos setores que mais estão crescendo é o setor veterinário. Pois, assim como a saúde humana, a saúde de nossos amigos de 4 patas se tornou importante também. Por esse motivo, muitos estão abrindo clínicas veterinárias para prestar esse suporte aos animais.

Não há empresa sem problema. Não há empresa que não tenha algum aspecto a melhorar e resolver. O grande diferencial, no fim das contas, está no fato de que há empresas com problemas sérios capazes de debilitá-las completamente, enquanto há empresas com problemas menores, os quais não são suficientes para afetar o seu crescimento e faturamento.

E qual a grande diferença entre esses dois tipos de empresa?

Aqui a resposta é simples: o dono e os gestores. A verdade é que há uma pequena parte de empreendedores que estão sempre de olho nos problemas da empresa, que sabem identificá-los e aperfeiçoá-los. É uma característica rara, mas existe.

Lembra do Steve Jobs ou do Jeff Bezos?

Sim, são pessoas semelhantes. Constantemente obcecadas em crescer e melhorar sua empresa. Estão sempre testando a experiência dos seus produtos e pensando em como ajudar o cliente.

No fim, a grande parcela dos empreendedores é de pessoas que vão apenas “tocando o barco”, sem maior atenção nos detalhes ou preocupação na melhoria constante. E isso não significa que essas pessoas estejam erradas, são apenas perfis profissionais distintos.

Porém, se você está no grupo dos empreendedores que não tem atenção com os detalhes e está apenas focado em fazer o barco andar, é essencial que comece a desenvolver habilidades para lidar com os detalhes e perceber quando o barco começa a dar errado e precisa ser consertado. Atenção é tudo nos negócios.

Essas características são complementares e devem fazer parte de qualquer empreendedor de sucesso. E para te ajudar a se tornar um empreendedor focado na melhoria e aperfeiçoamento constante do seu negócio, preparamos este artigo para te ajudar a identificar e resolver problemas dentro da sua empresa.

1 – Trabalhe muito a pré-venda, da venda e do pós-venda

Para que você possa se tornar mais atento aos processos da sua empresa e começar a identificar os problemas em todos os âmbitos do seu negócio, é essencial que se lembre das três  etapas do relacionamento com o cliente: o pré-venda, a venda e o pós-venda.

É importante que você esteja sempre de olho nessas três etapas do seu negócio. Na etapa de pré-venda, é necessário checar processos como marketing, comunicação com o cliente, visual, e outros fatores.

Durante a venda, de forma diferente, esteja de olho nas necessidades do cliente, no atendimento que ele está recebendo dos colaboradores e o que você poderia fazer para atendê-lo ainda melhor. Já no pós-venda, esteja sempre analisando como se dá a continuação da relação entre a sua empresa e o cliente.

Atenção nesses detalhes é importante para que você consiga identificar qualquer problema dentro da sua empresa, pois assim estará sempre olhando as coisas de um ponto de vista global.

Quer mais dicas de comprar aprimorar essas etapas? Confira aqui: 5 dicas de como atrair mais clientes para sua loja física

2 – Esteja sempre atento ao feedback dos colaboradores

Não coloque sobre si a responsabilidade de estar constantemente acompanhando todos os processos do seu negócio. Para isso, conte com o feedback dos seus colaboradores. Evite ser o líder cabeça-dura que apenas toma decisões sozinho e que espera ver e resolver tudo sem qualquer ajuda.

Estar sempre em contato com seus colaboradores o ajudará a poupar tempo na hora de identificar problemas e elaborar soluções. Em geral, os colaboradores estão sempre mais preparados para propor soluções aos problemas do dia a dia.

Por estarem sempre na linha de frente, o feedback deles é valiosíssimo para o caminho de melhoria da empresa.

3 – Saiba distinguir os problemas sérios dos que não são

Além desses fatores, aprenda a distinguir os problemas sérios dos que não são. E para que você saiba diferenciá-los, basta lembrar que os problemas sérios são aqueles que ameaçam o funcionamento, a harmonia e o faturamento da empresa.

Não captar novos clientes, por exemplo, pode ser um problema sério se sua empresa não está conseguindo pagar as próprias contas. Porém, ter contratado um funcionário errado pode ser igualmente sério, caso aquela pessoa esteja trazendo muita desarmonia ao ambiente de trabalho do seu negócio.

Por isso, é importante que você saiba reconhecer os problemas não tão sérios e saiba olhar para eles quando o momento chegar. Um erro importante de todo empreendedor é se preocupar igualmente com todos os problemas. Você deve ser capaz de reconhecer e abordar os problemas sérios enquanto a dia e deixar para depois qualquer tentativa de lidar com os problemas menores.

4 – Invista no treinamento dos seus colaboradores

Sim, uma das condições para evitar que os problemas na sua empresa se multipliquem é investir constantemente no treinamento dos seus colaboradores. A razão é muito simples: profissionais mais capacitados são capazes de refletir e resolver os problemas relativos à sua função.

Além disso, bons colaboradores podem oferecer valiosos feedbacks de como melhorar os processos dentro da empresa.

Quer aprender 4 formas baratas de investir no treinamento dos seus colaboradores? Veja aqui: 4 formas baratas de investir no treinamento dos colaboradores

5 – Esteja sempre aprendendo

Um empreendedor capaz de identificar e resolver problemas está sempre aprendendo. São pessoas focadas em aperfeiçoar cada vez mais suas habilidades e aplicá-las no crescimento do seu negócio.

Por isso, esteja sempre se alimentando de novas ideias sobre o que pode ser feito no seu negócio. Visite os concorrentes, veja o que eles fazem bem e você acaba falhando, visite feiras, leia livros e converse com outros empreendedores mais experientes.

É no contraste que mais aprendemos. É olhando o diferente que acabamos repensando nossas práticas e identificando nossos pontos de melhoria.

Veja aqui 10 dicas do que fazer para manter o crescimento da empresa.

6 – Contrate uma consultoria empresarial

Não tenha medo de contratar uma consultoria empresarial. Há diversas razões para se contratar uma, desde o fato de que sua empresa enfrenta problemas sérios e precisa de um profissional experiente na solução daquele problema, ao fato de que sua empresa vai bem e você gostaria de desenhar um planejamento financeiro para o futuro.

Aprenda aqui o que considerar na hora de contratar uma consultoria: Como contratar uma consultoria empresarial corretamente.

7 – Que tipo de profissional é capaz de resolver o meu problema?

Na hora de identificar problemas na sua empresa, sempre levante a pergunta: que tipo de auxílio devo contratar? Que tipo de profissional é capaz de resolver o meu problema?

Responder a questões desse tipo o ajudará a saber se você deve contratar um profissional de marketing, um bom contador, um bom gerente financeiro, ou algum outro profissional.

Ser capaz de resolver problemas depende exclusivamente da capacidade de identificá-los do modo correto. Os piores problemas, para qualquer empreendedor, são aqueles em que nem sabemos como começar a resolvê-los.

Porém, lembre-se: informação é sempre a chave. Se você não sabe como resolver um determinado problema, certamente há alguém que já resolveu um problema semelhante e saberá como ajudá-lo. Encontre essa pessoa.

Problemas

Utilize este método para identificar e resolver problemas na sua empresa

Esperamos que, a esta altura, você já tenha aperfeiçoado a sua habilidade de identificar e resolver problemas dentro da sua empresa. Para que você possa relembrar os pontos principais do texto, destacamos a seguir:

1 – Tenha atenção com as três etapas do relacionamento com o cliente: o pré-venda, a venda, e o pós-venda;

2 – Tenha atenção com o feedback dos colaboradores;

3 – Saiba identificar os problemas sérios da sua empresa;

4 – Invista no treinamento dos seus colaboradores;

5 – Esteja sempre aprendendo;

6 – Contrate uma consultoria empresarial;

7 – Responda a pergunta: que tipo de profissional é capaz de resolver o meu problema?

Gostou deste texto e gostaria de uma consultoria empresarial para o seu negócio? Nós da Conta Junto podemos te ajudar. Clique aqui e fale conosco.

Veja mais artigos do nosso blog:

Contabilidade para Gestor de Tráfego: Como funciona?

Contabilidade para Gestor de Tráfego: Como funciona?

Contabilidade para gestor de tráfego é algo importantíssimo para a nova profissão. Assim como todos os outros ramos, contabilizar os lucros e as perdas se faz muito necessário. contabilidade.

Todo empresário precisa ter CONTA de PESSOA JURÍDICA?

Todo empresário precisa ter CONTA de PESSOA JURÍDICA?

Se você já recebeu alguma orientação para não abrir, encerrar uma conta de pessoa jurídica ou continuar utilizando a sua conta pessoa física, essa orientação está totalmente equivocada, tome cuidado! A maior regra para administração de um negócio é separar as finanças pessoais das finanças da empresa.

O que um contador pode fazer pela sua empresa?

O que um contador pode fazer pela sua empresa?

Um bom contador pode te ajudar em diversas áreas e fazer sua empresa crescer. Por isso, nunca subestime a importância de contratar um contador para a sua empresa. É uma das decisões mais sérias que você tomará para o seu negócio. Esqueça a ideia de que o contador é só alguém que calcula impostos e os salários dos colaboradores.

Conheça nossos serviços:

Contabilidade para Youtubers

Nossa Contabilidade para Youtubers é focada em gerar o menor trabalho possível para o produtor de conteúdo, deixando você livre para focar no que mais importa: produzir seus conteúdos!

Saiba Mais

Contabilidade para MEI

Ganhe destaque com seu Microempreendimento por meio de um CNPJ. Evite dores de cabeça e contrate a nosssa contabilidade especializada para MEI. Estaremos lado a lado para ajudar no crescimento do seu negócio.

Saiba Mais

Contabilidade para Prestadores de Serviços

Você teve a oferta ideal para trabalhar naquela empresa que tanto queria. Mas te pedem abrir uma PJ e você não sabe por onde começar. Deixe a burocracia com a Conta Junto e usufrua do seu novo trabalho.

Saiba Mais

Contabilidade para Empresas de TI

Você respira tecnologia e sua contabilidade ainda é no papel? Aqui na Conta Junto somos especialistas em atender às demandas digitais. Foque apenas nos códigos e deixe a parte burocrática conosco.

Saiba Mais

Contabilidade para Advogados

Em muitos casos, é bem provável que o(a) Doutor(a) esteja pagando mais impostos do que deveria. Por isso é necessário ter uma contabilidade especializada no seu segmento. Nós da Conta Junto somos já ajudamos nossos clientes a economizarem até 83% com impostos.

Saiba Mais

Contabilidade para Infoprodutores e Afiliados

Se preocupe apenas em alavancar ainda mais suas vendas e produzir conteúdos. A parte burocrática deixe com a gente.

Saiba Mais

Contabilidade para Médicos

Até quando ficará enviando planilhas e extratos para sua contabilidade? E até quando vai ocupar o tempo da sua secretária com a separação de papéis? Com a Conta Junto sua preocupação será com quem mais importa para seu negócio: Seus pacientes.

Saiba Mais

Você é dono de loja e está sempre em dúvida do o que fazer para atrair e conquistar mais clientes?

Segue a leitura que preparamos seis dicas infalíveis de como conseguir atrair mais clientes para sua loja de uma maneira contínua e sem a necessidade de estar sempre inventando combos, promoções, cupons e ações de lançamento.

Descubra agora 6 formas de atrair mais clientes para uma loja

1. Invista no visual da sua empresa

Quando se trata de atrair mais clientes, é importante lembrar que você não quer apenas tomar ações que trazem mais clientes apenas uma vez. O que você procura são ações que possam trazer clientes de maneira contínua.

Para esse propósito, uma das formas mais eficazes de atrair novos clientes é investir em um visual atrativo para a empresa.

O visual é o primeiro fator a ser julgado por qualquer pessoa que descobriu sua empresa. O visual é julgado antes mesmo do seu produto e do seu serviço.

Muitos empreendedores subestimam o poder de um bom visual. Porém, é importante ressaltar que o visual envolve diferentes dimensões de uma empresa, como:

– Logomarca, comunicação visual e utilização de cores,

– Fotos e imagens,

– Organização e decoração do espaço da loja,

– Vestimenta dos funcionários,

– Branding,

– Apresentação e entrega do produto,

– Dentre outros.

O visual de uma empresa deve estar em constante evolução.

Para um empreendedor iniciante, é necessário ter em mente que há sempre algo a investir e melhorar no visual, seja num material de papelaria, numa farda de trabalho, numa melhor logomarca, ou numa embalagem melhor para o produto.

Invista sempre e preocupe-se em melhorar constantemente o visual da sua empresa. Sempre haverá algo a mais para melhorar.

2. Construa uma audiência nas redes sociais

O segundo passo para atrair mais clientes para sua loja é construir a audiência da sua marca nas redes sociais.

A presença nas redes sociais aumentará significativamente o alcance da sua loja. Pessoas de outros lugares poderão ver os seus produtos e até mesmo interagir com a sua marca.

A presença nas redes sociais permite até mesmo que você explore outras possibilidades para a sua empresa, como oferecer consultorias e compartilhar sua experiência como empreendedor.

Há outros passos importantes para trabalhar a presença da sua empresa nas redes sociais:

3. Exiba seus produtos

Sim, exiba seus produtos nas redes sociais. Porém, tenha cuidado para que sua rede social não se torne um mero catálogo de preços para o cliente.

É necessário pesquisar e pensar maneiras criativas de como divulgar os produtos para os clientes. Além disso, você deve postar publicações que aumentem a interatividade com as pessoas.

Algumas dicas de como atrair mais clientes no instagram:

 – Utilizar imagens de qualidade (você pode até investir em um fotógrafo profissional),

– Ter boas legendas que contam alguma história do produto,

– Informar às pessoas o que fazer para adquirir aquele produto,

– Não prometer algo que não pode ser entregue.

Se você trabalha com delivery, não deixe de conferir estas dicas: 4 dicas para vender mais no IFood

Depois de ter uma presença nas redes sociais, além de exibir os seus produtos, é importante também fazer o seguinte:

4. Exiba seus resultados

Compartilhe também os seus resultados. Mostre os comentários das pessoas, mostre como o seu produto é capaz de mudar a vida delas e tudo o que for positivo em relação a sua empresa.

Jamais tenha medo de afirmar e exibir a qualidade do seu produto. Porém, também tenha cuidado para não se tornar chato e repetitivo!

5. Não tenha medo de vender

Parece paradoxal, mas você ficaria surpreso com o tanto de empreendedores que têm medo de vender. Grande parte vende apenas quando é absolutamente obrigado.

Um empreendedor deve estar sempre lutando contra seu medo de vender e, além disso, deve compreender que toda pessoa está sempre vendendo.

Por isso, mesmo quando não estiver na empresa, vista a camisa da sua empresa, utilize adesivos, ou mostre aos conhecidos os seus produtos.

Jamais pare de divulgar e mostrar sua empresa. Assim você estará sempre atraindo e convidando novos clientes.

Entenda que você não precisa estar com a loja aberta para vender. Um mero adesivo pode divulgar sua empresa e atrair um novo cliente. Portanto, acostume-se a vender sempre.

6. Divulgue, divulgue, divulgue

Assim como você deve se acostumar a vender, você deve se acostumar a divulgar sua marca.

Acostume-se a falar dela para os outros, do que você pode fazer e de como você é capaz de ajudar as pessoas.

Não é necessário ser chato e sempre falar as mesmas coisas. Mas jamais perca a chance de falar da sua empresa e dos seus produtos.

Fazendo isso vai te ajudar a atrair clientes e vender mais.

Conclusão

Para que você possa relembrar as 6 dicas para atrair mais clientes para sua loja e vender mais:

1 – Invista constantemente no visual da sua empresa;

2 – Trabalhe a presença da sua empresa nas redes sociais;

3 – Exiba seus produtos e seus resultados;

4 – Jamais tenha medo de vender;

5 – Jamais tenha medo de divulgar sua marca e a qualidade do seu produto.

Gostou deste texto e gostaria de uma assessoria contábil para o seu negócio? Clique aqui e fale conosco!

Veja mais artigos do nosso blog:

Contabilidade para Gestor de Tráfego: Como funciona?

Contabilidade para Gestor de Tráfego: Como funciona?

Contabilidade para gestor de tráfego é algo importantíssimo para a nova profissão. Assim como todos os outros ramos, contabilizar os lucros e as perdas se faz muito necessário. contabilidade.

Todo empresário precisa ter CONTA de PESSOA JURÍDICA?

Todo empresário precisa ter CONTA de PESSOA JURÍDICA?

Se você já recebeu alguma orientação para não abrir, encerrar uma conta de pessoa jurídica ou continuar utilizando a sua conta pessoa física, essa orientação está totalmente equivocada, tome cuidado! A maior regra para administração de um negócio é separar as finanças pessoais das finanças da empresa.

O que um contador pode fazer pela sua empresa?

O que um contador pode fazer pela sua empresa?

Um bom contador pode te ajudar em diversas áreas e fazer sua empresa crescer. Por isso, nunca subestime a importância de contratar um contador para a sua empresa. É uma das decisões mais sérias que você tomará para o seu negócio. Esqueça a ideia de que o contador é só alguém que calcula impostos e os salários dos colaboradores.

Conheça nossos serviços:

Contabilidade para Youtubers

Nossa Contabilidade para Youtubers é focada em gerar o menor trabalho possível para o produtor de conteúdo, deixando você livre para focar no que mais importa: produzir seus conteúdos!

Saiba Mais

Contabilidade para MEI

Ganhe destaque com seu Microempreendimento por meio de um CNPJ. Evite dores de cabeça e contrate a nosssa contabilidade especializada para MEI. Estaremos lado a lado para ajudar no crescimento do seu negócio.

Saiba Mais

Contabilidade para Prestadores de Serviços

Você teve a oferta ideal para trabalhar naquela empresa que tanto queria. Mas te pedem abrir uma PJ e você não sabe por onde começar. Deixe a burocracia com a Conta Junto e usufrua do seu novo trabalho.

Saiba Mais

Contabilidade para Empresas de TI

Você respira tecnologia e sua contabilidade ainda é no papel? Aqui na Conta Junto somos especialistas em atender às demandas digitais. Foque apenas nos códigos e deixe a parte burocrática conosco.

Saiba Mais

Contabilidade para Advogados

Em muitos casos, é bem provável que o(a) Doutor(a) esteja pagando mais impostos do que deveria. Por isso é necessário ter uma contabilidade especializada no seu segmento. Nós da Conta Junto somos já ajudamos nossos clientes a economizarem até 83% com impostos.

Saiba Mais

Contabilidade para Infoprodutores e Afiliados

Se preocupe apenas em alavancar ainda mais suas vendas e produzir conteúdos. A parte burocrática deixe com a gente.

Saiba Mais

Contabilidade para Médicos

Até quando ficará enviando planilhas e extratos para sua contabilidade? E até quando vai ocupar o tempo da sua secretária com a separação de papéis? Com a Conta Junto sua preocupação será com quem mais importa para seu negócio: Seus pacientes.

Saiba Mais

Você é daqueles empreendedores que está sempre repetindo que investir em treinamento é um gasto desnecessário para a empresa e que não vale a pena perder tempo treinando os colaboradores?

Lembre-se que se ninguém está em um processo de evolução, de aprender mais, se dedicar mais, e querer mais, a empresa estagna.

Rapidamente ela atinge o seu limite de crescimento e precisará de bastante esforço para sair dali.

Mas se você ainda está na dúvida sobre tudo isso, neste artigo contaremos cinco razões fundamentais para investir no treinamento dos seus colaboradores e com isso assegurar o próprio crescimento do seu negócio.

Conheça as 5 razões para investir no treinamento dos colaboradores

1) Vender mais, produzir mais

Se seus colaboradores são bem treinados, estão sempre se atualizando e aperfeiçoando suas habilidades, a consequência direta disso tudo é que sua empresa venderá. Por isso, a primeira razão para investir no treinamento dos seus colaboradores é aumentar o faturamento do seu negócio.

Jamais enxergue o gasto em treinamento como uma merca despesa ou uma ação desnecessária. Cada centavo gasto na especialização do seu funcionário deve ser visto como um investimento na sua própria empresa.

2) Aumentar o valor de mercado

E o que ocorre quando você investe em gerar profissionais capacitados, com potencial para produzir mais? Sua empresa aumenta o valor de mercado. É simples assim.

Empresas como Coca-Cola, Apple e Amazon não estão entre as mais valiosas porque produzem um fluxo de caixa altíssimo. Elas estão entre as mais valiosas porque empregam os melhores e os mais bem treinados.

Além disso, todo cliente quer saber que compra ou é engajado com uma empresa que tem ótimos funcionários.

Colaboradores bem treinados dão uma maior percepção de valor e sucesso a uma empresa. E isso refletirá no seu valor geral de mercado, no seu crescimento, Life-time value, e vários outros fatores.

Não sabe o que é life-time value? Aprenda mais aqui: LTV (Lifetime Value): Aprenda o que é e como utilizá-lo na sua empresa

3) Aumentar a competitividade

Bom, é desnecessário dizer que se sua empresa aumenta o faturamento e o valor de mercado, então ela se torna mais competitiva. Ou seja, investir no aperfeiçoamento dos seus colaboradores reflete diretamente na capacidade competitiva do seu negócio.

Descubra como aumentar sua vantagem competitiva: 5 passos simples para desenvolver a vantagem competitiva da sua empresa

4) Estimular a inovação

Nós já sabemos que você já gostou de ouvir que todo esse investimento refletirá no faturamento da sua empresa. Porém, aqui há o que talvez seja o fator mais importante: o estímulo à inovação.

A inovação deve ser uma constante em qualquer negócio. Muitos empreendedores erram ao acreditar que inovação é coisa de empresa gigante ou de startups que já nasceram com uma ideia brilhante para realizar.

Toda empresa precisa de inovação, desde o início até o seu momento de consolidação. Com isso não quero dizer que você precisa reinventar o iPad, mas apenas que seu negócio deve trazer algo novo, seja no produto, no atendimento, ou no que quer que seja.

Uma empresa precisa de inovação para se destacar, e novamente depois para se manter. E é exatamente por essa razão que seus colaboradores devem estar sempre aprendendo.

Por isso, invista no aperfeiçoamento da sua visão de mercado e saiba ouvir seus colaboradores quando trouxeram novas ideias e sugestões.

5 – Diminuir custos de contratação

Lembre-se do seguinte ditado: é mais fácil e mais barato investir para que sua equipe se torne melhor do que correr atrás de contratar os melhores jogadores.

Por isso, não tenha medo de trabalhar e investir para que sua equipe se torne a melhor que puder ser.

Treine seus colaboradores e assuma sua liderança. É a melhor forma de evitar gastos com demissões, contratações, e todo o processo de ter que renovar sua força de trabalho.

Gostou deste texto e gostaria de uma assessoria contábil para o seu negócio? Clique aqui e fale conosco!

Veja mais artigos do nosso blog:

Como contratar funcionários? Entenda todo o processo

Como contratar funcionários? Entenda todo o processo

A contratação de um novo funcionário na empresa é uma decisão muito importante que deve ser realizada com muita atenção.  Após avaliar o candidato no processo seletivo, e sua classificação como profissional, chegou a hora dos trâmites legais.

Como motivar os colaboradores: conheça os principais mitos e verdades

Como motivar os colaboradores: conheça os principais mitos e verdades

Todo empreendedor alguma vez já se deparou com esta dúvida: como motivar meus colaboradores? O que fazer para que eles estejam sempre dispostos e empolgados com o trabalho? tentamos diversas técnicas: elogios, aumento de salário, desempenhar outras funções, mas, muitas vezes, nada disso funciona de uma maneira definitiva.

8 sinais de que chegou a hora de contratar mais pessoas

8 sinais de que chegou a hora de contratar mais pessoas

Contratar mais pessoas é uma decisão que todo empreendedor prefere adiar o máximo possível. Infelizmente, é muito comum encontrarmos pessoas que preferem “economizar” a ter que trazer mais pessoas para a equipe. Esse tipo de decisão acaba tendo consequências desastrosas. Por vezes, a empresa não consegue crescer como deveria, não consegue atender todos os seus clientes, ou não consegue se expandir em todas as direções que lhe é possível. 

Conheça nossos serviços:

Contabilidade para Youtubers

Nossa Contabilidade para Youtubers é focada em gerar o menor trabalho possível para o produtor de conteúdo, deixando você livre para focar no que mais importa: produzir seus conteúdos!

Saiba Mais

Contabilidade para MEI

Ganhe destaque com seu Microempreendimento por meio de um CNPJ. Evite dores de cabeça e contrate a nosssa contabilidade especializada para MEI. Estaremos lado a lado para ajudar no crescimento do seu negócio.

Saiba Mais

Contabilidade para Prestadores de Serviços

Você teve a oferta ideal para trabalhar naquela empresa que tanto queria. Mas te pedem abrir uma PJ e você não sabe por onde começar. Deixe a burocracia com a Conta Junto e usufrua do seu novo trabalho.

Saiba Mais

Contabilidade para Empresas de TI

Você respira tecnologia e sua contabilidade ainda é no papel? Aqui na Conta Junto somos especialistas em atender às demandas digitais. Foque apenas nos códigos e deixe a parte burocrática conosco.

Saiba Mais

Contabilidade para Advogados

Em muitos casos, é bem provável que o(a) Doutor(a) esteja pagando mais impostos do que deveria. Por isso é necessário ter uma contabilidade especializada no seu segmento. Nós da Conta Junto somos já ajudamos nossos clientes a economizarem até 83% com impostos.

Saiba Mais

Contabilidade para Infoprodutores e Afiliados

Se preocupe apenas em alavancar ainda mais suas vendas e produzir conteúdos. A parte burocrática deixe com a gente.

Saiba Mais

Contabilidade para Médicos

Até quando ficará enviando planilhas e extratos para sua contabilidade? E até quando vai ocupar o tempo da sua secretária com a separação de papéis? Com a Conta Junto sua preocupação será com quem mais importa para seu negócio: Seus pacientes.

Saiba Mais

Você é daqueles empreendedores que sempre repetem que não vale a pena se preocupar com networking? Que falam que isso é papo de coach e o melhor é focar em economizar gastos e crescer na empresa?

Puxa a cadeira e pega um cafezinho para mudar sua opinião. Vamos te convencer de que vale a pena sim investir em networking e que cada moeda gasta com isso deve ser vista como um investimento direto na sua empresa.

Além do mais, você também verá que ignorar isso pode acabar custando o próprio progresso da sua empresa.

Conheça 6 razões para investir em networking:

1 – Aprender mais

A primeira razão é aquela que você já imagina, mas sempre acaba duvidando da importância: aprender mais sobre a sua área com outros empresários e gestores.

Todo advogado, médico, professor, e até mesmo empreendedor, deve ter algum colega de profissão para conversar sobre os desafios do dia a dia da profissão. Essa é a forma mais fácil e eficiente de aprender qualquer coisa.

Além disso, é em conversas com os colegas de profissão que acabamos encontrando novas ideias para nossas empresas, que entendemos melhor alguns dos problemas enfrentados, assim como recebemos recomendações de outros contatos úteis, como contadores, advogados, e assim por diante.

2 – Conhecer empreendedores mais experientes

Conhecer empreendedores com mais tempo de jornada é a segunda razão para você investir em networking.

Empreendedores mais experientes podem nos ajudar de inúmeras formas. Às vezes, em breves conversas saímos com novas ideias do que melhorar e mudar dentro do nosso próprio negócio.

Além disso, contatos assim podem ser cruciais em momentos de dificuldade, quando as coisas vão muito mal e simplesmente não sabemos o que fazer. É dali que pode sair uma dica de consultoria ou alguma ideia que possa salvar o andamento de tudo.

3Compartilhar conhecimento

Investir em networking não é só tomar proveito do conhecimento dos outros. Há um outro lado que também pode ser bastante proveitoso para você: ensinar e compartilhar o seu conhecimento com empreendedores menos experientes.

Você pode atuar como um mentor para empreendedores iniciantes e ajudá-los com decisões principalmente com escolhas e decisões difíceis que você já tomou.

4 – Expandir a área de atuação da empresa

Outro benefício que você pode acabar obtendo de fazer novos contatos é encontrar parceiros que possam ajudá-lo a expandir a área de atuação da sua empresa. Isso é bastante comum de ocorrer.

Uma empresa se consolida em um determinado nicho, mas encontra oportunidade para explorar produtos ou serviços em outras áreas.

Com isso, ter um bom networking pode ser útil neste processo de expansão. Você pode ter ajuda na hora de encontrar bons fornecedores, distribuidores, clientes, e o que mais precisar.

5 – Firmar parcerias comerciais

Além de poder ter contato para explorar outros nichos, você também pode firmar boas parcerias comerciais.

Por exemplo, você pode juntar seu serviço ao de outra pessoa para vender combos e produtos de ticket mais alto, algo muito comum de ocorrer.

Se você é dono de um hotel, por que não firmar uma parceria com uma empresa de turismo? Há inúmeras formas de construir parcerias dentro do seu nicho e conseguir vender ainda mais.

Faça networking para firmar parcerias

6 – Encontrar sócios ou investidores

Uma outra razão para investir em networking é poder encontrar bons sócios ou investidores que acreditam no seu negócio.

Pessoas assim podem acelerar bastante o processo de crescimento de uma empresa, pois podem fornecer o capital necessário para grandes passos de crescimento.

Gostou deste texto e gostaria de uma consultoria contábil para sua empresa? Nós da Conta Junto podemos ajudá-lo, clique aqui e fale conosco!

Veja mais artigos do nosso blog:

Contabilidade para profissionais da saúde

Contabilidade para profissionais da saúde

A contabilidade é um dos setores que mais auxiliam um profissional da saúde a abrir sua clínica. A área da saúde possui uma importância muito grande e os serviços oferecidos por ela são essenciais. Por esse motivo, quando um profissional da área da saúde enfim se forma, ele passa a ter diversas opções para trabalhar. Uma das melhores maneiras é por meio da abertura de uma empresa na área.

Como abrir uma clínica de radiologia

Como abrir uma clínica de radiologia

Você com certeza já foi a uma clínica de radiologia, não é? Mas já lhe ocorreu abrir uma? Empreender nessa área pode ser bem lucrativo. Isso se deve a um bom potencial para se explorar no mercado. São exames úteis para diagnosticar eventuais doenças, principalmente na odontologia.

Contabilidade para clínica veterinária

Contabilidade para clínica veterinária

Saiba tudo sobre a contabilidade para clínica veterinária. Um dos setores que mais estão crescendo é o setor veterinário. Pois, assim como a saúde humana, a saúde de nossos amigos de 4 patas se tornou importante também. Por esse motivo, muitos estão abrindo clínicas veterinárias para prestar esse suporte aos animais.

Conheça nossos serviços:

Contabilidade para Youtubers

Nossa Contabilidade para Youtubers é focada em gerar o menor trabalho possível para o produtor de conteúdo, deixando você livre para focar no que mais importa: produzir seus conteúdos!

Saiba Mais

Contabilidade para MEI

Ganhe destaque com seu Microempreendimento por meio de um CNPJ. Evite dores de cabeça e contrate a nosssa contabilidade especializada para MEI. Estaremos lado a lado para ajudar no crescimento do seu negócio.

Saiba Mais

Contabilidade para Prestadores de Serviços

Você teve a oferta ideal para trabalhar naquela empresa que tanto queria. Mas te pedem abrir uma PJ e você não sabe por onde começar. Deixe a burocracia com a Conta Junto e usufrua do seu novo trabalho.

Saiba Mais

Contabilidade para Empresas de TI

Você respira tecnologia e sua contabilidade ainda é no papel? Aqui na Conta Junto somos especialistas em atender às demandas digitais. Foque apenas nos códigos e deixe a parte burocrática conosco.

Saiba Mais

Contabilidade para Advogados

Em muitos casos, é bem provável que o(a) Doutor(a) esteja pagando mais impostos do que deveria. Por isso é necessário ter uma contabilidade especializada no seu segmento. Nós da Conta Junto somos já ajudamos nossos clientes a economizarem até 83% com impostos.

Saiba Mais

Contabilidade para Infoprodutores e Afiliados

Se preocupe apenas em alavancar ainda mais suas vendas e produzir conteúdos. A parte burocrática deixe com a gente.

Saiba Mais

Contabilidade para Médicos

Até quando ficará enviando planilhas e extratos para sua contabilidade? E até quando vai ocupar o tempo da sua secretária com a separação de papéis? Com a Conta Junto sua preocupação será com quem mais importa para seu negócio: Seus pacientes.

Saiba Mais

Seja lá o que você faz, e seja lá qual a sua área ou ramo de atuação, é importante que você tenha uma rede de contatos com a qual possa aprender, trocar experiências, ou até mesmo firmar acordos comerciais e de cooperação.

Para isso, você deve constantemente investir em desenvolver e criar o seu networking. Um dos maiores erros de todo empreendedor iniciante é achar que vai vencer o mundo sozinho. É achar que basta jogar o problema, que ele saberá como resolver somente com esforço e vontade.

Porém, nada é assim tão simples. O aprendizado em qualquer área depende de saber ouvir e aprender com os outros. O mesmo acontece com sua jornada de aprendizado em uma empresa.

Para ajudá-lo a saber o que fazer para o melhorar o seu networking e desenvolver uma rede de contatos para o seu amadurecimento como empreendedor, separamos estas cinco dicas infalíveis. Confere aí!

1 – Utilize suas redes sociais para acompanhar outros empreendedores e profissionais do seu ramo

Nossa primeira dica de como melhorar o seu networking é completamente gratuita e bastante fácil de ser executada.

Em redes sociais como Instagram e Facebook, é possível encontrar grupos de discussão e perfis de grandes empreendedores dispostos a esclarecer dúvidas e compartilhar muito do seu conhecimento.

Todos os dias, é possível encontrar inúmeros empreendedores que afirmam terem se beneficiado dos conselhos dados em perfis de empreendedores como Flávio Augusto, Carlos Wizard, Ícaro de Carvalho, e vários outros.

Portanto, se você ainda é daqueles que utilizam rede social somente para tratar de assuntos da vida pessoal, chegou a hora de se tornar um pouco mais profissional e aproveitar todo o benefício que elas oferecem!    

2 – Participe de feiras, cursos e congressos       

Também não esqueça de ativamente investir na construção da sua rede de networking a partir da participação em feiras, cursos e congressos do seu ramo.

Essa é a melhor forma para pessoalmente conhecer outras pessoas que trabalham no seu ramo e poder trocar experiências.

3 – Participe de masterminds

Outra forma interessante de trocar ideias e firmar parcerias empresariais é através dos grupos de Mastermind.

Mastermind nada mais é do que um termo utilizado para grupos que se unem com o objetivo de trocar aprendizados e aprenderem de forma mútua sobre determinadas áreas.

Apesar de serem muito comuns nos Estados Unidos, no Brasil há cada vez mais grupos de Mastermind com empreendedores de diversas áreas. Por isso, vale a pena se informar se há algum na sua cidade.

https://parceiros.linker.com.br/contajunto

4 – Visite outras lojas do seu ramo

Sim, visite outras lojas do seu ramo, mesmo que sejam as lojas do seu concorrente.

Tenha em mente que você não precisa estar sempre em guerra com seu concorrente. Na verdade, é interessante que vocês possam trocar experiências sobre como é a atuação naquele ramo, principalmente sobre o que funciona ou não.

A vantagem disso é o fato de que você e o concorrente lidam com situações semelhantes no dia a dia. Por isso, não há pessoa melhor para entender os desafios que você enfrenta com a sua empresa.      

5 – Leia livros e ouça podcasts

Leia livros, ouça podcasts, veja canais e vídeos do YouTube. Enfim, consuma todo tipo de informação que possa ajudá-lo a informá-lo sobre o seu ramo para que consiga tomar as melhores decisões para o seu negócio.

Sim, é verdade que ler livros e ouvir podcasts não necessariamente aumentará o seu networking.

Contudo, o ajudará a conhecer os melhores players e as principais referências do seu ramo. E isso o ajudará a se situar dentro do mercado, pois saberá para quem olhar ou onde buscar inspiração para as decisões da sua empresa.

Gostou deste texto e gostaria de uma consultoria para sua empresa? Clique aqui e fale conosco.

Veja mais artigos do nosso blog:

Contabilidade para Gestor de Tráfego: Como funciona?

Contabilidade para Gestor de Tráfego: Como funciona?

Contabilidade para gestor de tráfego é algo importantíssimo para a nova profissão. Assim como todos os outros ramos, contabilizar os lucros e as perdas se faz muito necessário. contabilidade.

Todo empresário precisa ter CONTA de PESSOA JURÍDICA?

Todo empresário precisa ter CONTA de PESSOA JURÍDICA?

Se você já recebeu alguma orientação para não abrir, encerrar uma conta de pessoa jurídica ou continuar utilizando a sua conta pessoa física, essa orientação está totalmente equivocada, tome cuidado! A maior regra para administração de um negócio é separar as finanças pessoais das finanças da empresa.

O que um contador pode fazer pela sua empresa?

O que um contador pode fazer pela sua empresa?

Um bom contador pode te ajudar em diversas áreas e fazer sua empresa crescer. Por isso, nunca subestime a importância de contratar um contador para a sua empresa. É uma das decisões mais sérias que você tomará para o seu negócio. Esqueça a ideia de que o contador é só alguém que calcula impostos e os salários dos colaboradores.

Conheça nossos serviços:

Contabilidade para Youtubers

Nossa Contabilidade para Youtubers é focada em gerar o menor trabalho possível para o produtor de conteúdo, deixando você livre para focar no que mais importa: produzir seus conteúdos!

Saiba Mais

Contabilidade para MEI

Ganhe destaque com seu Microempreendimento por meio de um CNPJ. Evite dores de cabeça e contrate a nosssa contabilidade especializada para MEI. Estaremos lado a lado para ajudar no crescimento do seu negócio.

Saiba Mais

Contabilidade para Prestadores de Serviços

Você teve a oferta ideal para trabalhar naquela empresa que tanto queria. Mas te pedem abrir uma PJ e você não sabe por onde começar. Deixe a burocracia com a Conta Junto e usufrua do seu novo trabalho.

Saiba Mais

Contabilidade para Empresas de TI

Você respira tecnologia e sua contabilidade ainda é no papel? Aqui na Conta Junto somos especialistas em atender às demandas digitais. Foque apenas nos códigos e deixe a parte burocrática conosco.

Saiba Mais

Contabilidade para Advogados

Em muitos casos, é bem provável que o(a) Doutor(a) esteja pagando mais impostos do que deveria. Por isso é necessário ter uma contabilidade especializada no seu segmento. Nós da Conta Junto somos já ajudamos nossos clientes a economizarem até 83% com impostos.

Saiba Mais

Contabilidade para Infoprodutores e Afiliados

Se preocupe apenas em alavancar ainda mais suas vendas e produzir conteúdos. A parte burocrática deixe com a gente.

Saiba Mais

Contabilidade para Médicos

Até quando ficará enviando planilhas e extratos para sua contabilidade? E até quando vai ocupar o tempo da sua secretária com a separação de papéis? Com a Conta Junto sua preocupação será com quem mais importa para seu negócio: Seus pacientes.

Saiba Mais

Todo empresário que está no começo de um negócio sempre tem dúvidas de como melhorar o fluxo de caixa e de como deve ter o controle do mesmo.

O fluxo de caixa diz respeito a todo valor movimentado no caixa de uma empresa durante um determinado período de tempo. A saúde financeira de uma empresa depende diretamente de um controle adequado do fluxo de caixa.

Sem qualquer controle ou consciência do que está acontecendo com o dinheiro que entra e sai do seu negócio, é impossível saber se ele está indo bem ou mal. Além disso, torna-se difícil fazer projeções, elaborar metas e conseguir colocar o seu negócio nos eixos.

Por isso, separamos 5 passos simples para melhorar o fluxo de caixa da sua empresa e mantê-lo sempre organizado, ideal para o crescimento do seu negócio. Vamos lá!

1 – Fique de olho nas entradas e saídas diariamente

Se você tem uma empresa, há algo que jamais deve deixar de ser feito: controlar as entradas e saídas do caixa diariamente. Esse é o primeiro passo essencial para pelo menos começar a melhorar o fluxo de caixa de um negócio.

Sem o controle diário de entradas e saídas, sequer há uma contabilidade do seu negócio. Ele estará apenas navegando em águas escuras. Nós sabemos que fazer isso todos os dias pode até tomar tempo, mas não há desculpa.

Se você não consegue encontrar tempo para fazê-lo, contrate alguém para a função. Pode ter certeza de que o benefício irá compensar o valor investido.

2 – Faça um balanço de caixa diário

Além de controlar as entradas e saídas, procure também fazer um balanço de caixa diariamente. Por balanço, queremos dizer apenas um levantamento do lucro apurado daquele dia. Neste caso, se você não tiver tempo diariamente, procure fazer ao menos a cada semana, ou até mesmo a cada mês.

O objetivo de fazer balanços de caixa é poder fazer projeções de lucro para os meses seguintes. Com isso, sua empresa terá uma base de valores para elaborar metas e saber o quanto deve vender.

3 – Anote todas as contas a pagar

Sim, tenha sempre anotado todas as contas futuras e os seus vencimentos.

Isso evitará erros de esquecimento, em que acabamos gastando um valor que não deveríamos e acabamos sem atrasando o pagamento de dívidas.

4 – Anote os valores a receber

Anote também os valores que você ainda tem para receber. Isso é algo essencial para prestadores de serviço. Tenha um caderno específico só para isso.

Depois, anote os nomes, valores e expectativa de pagamento de cada cliente. Infelizmente, é muito comum perdermos dinheiro porque esquecemos de clientes devedores.

5 – Contrate uma assessoria financeira

Pode não ser agora ou só no futuro. Porém, prepare sua empresa para contratar uma assessoria financeira. O ideal é que você contrate um contador para auxiliá-lo em decisões sobre pagamento de impostos e outras decisões financeiras importantes para o desenvolvimento de qualquer negócio.

Uma assessoria financeira é um passo essencial para que você não precise se preocupar com decisões que serão assessoradas por alguém com muito mais experiência que você. Isso lhe dará muito mais liberdade para se dedicar inteiramente à captação de clientes e outros fatores importantes de uma empresa.

(Quer saber mais sobre quando contratar uma empresa? Veja aqui: Saiba quando contratar um contador para a sua empresa)

Como melhorar o fluxo de caixa

Conclusão

Para que você possa relembrar cada passo do que dissemos:

1 – Faça o controle diário de saídas e entradas,

2 – Faça um balanço de caixa semanal ou mensal,

3 – Tenha um controle das contas a pagar,

4 – Tenha um controle dos valores a receber,

5 – Contrate uma consultoria financeira.

Gostou deste texto e procura uma consultoria para sua empresa? Clique aqui e fale conosco!

Veja mais artigos do nosso blog:

Contabilidade para profissionais da saúde

Contabilidade para profissionais da saúde

A contabilidade é um dos setores que mais auxiliam um profissional da saúde a abrir sua clínica. A área da saúde possui uma importância muito grande e os serviços oferecidos por ela são essenciais. Por esse motivo, quando um profissional da área da saúde enfim se forma, ele passa a ter diversas opções para trabalhar. Uma das melhores maneiras é por meio da abertura de uma empresa na área.

Como abrir uma clínica de radiologia

Como abrir uma clínica de radiologia

Você com certeza já foi a uma clínica de radiologia, não é? Mas já lhe ocorreu abrir uma? Empreender nessa área pode ser bem lucrativo. Isso se deve a um bom potencial para se explorar no mercado. São exames úteis para diagnosticar eventuais doenças, principalmente na odontologia.

Contabilidade para clínica veterinária

Contabilidade para clínica veterinária

Saiba tudo sobre a contabilidade para clínica veterinária. Um dos setores que mais estão crescendo é o setor veterinário. Pois, assim como a saúde humana, a saúde de nossos amigos de 4 patas se tornou importante também. Por esse motivo, muitos estão abrindo clínicas veterinárias para prestar esse suporte aos animais.

Conheça nossos serviços:

Contabilidade para Youtubers

Nossa Contabilidade para Youtubers é focada em gerar o menor trabalho possível para o produtor de conteúdo, deixando você livre para focar no que mais importa: produzir seus conteúdos!

Saiba Mais

Contabilidade para MEI

Ganhe destaque com seu Microempreendimento por meio de um CNPJ. Evite dores de cabeça e contrate a nosssa contabilidade especializada para MEI. Estaremos lado a lado para ajudar no crescimento do seu negócio.

Saiba Mais

Contabilidade para Prestadores de Serviços

Você teve a oferta ideal para trabalhar naquela empresa que tanto queria. Mas te pedem abrir uma PJ e você não sabe por onde começar. Deixe a burocracia com a Conta Junto e usufrua do seu novo trabalho.

Saiba Mais

Contabilidade para Empresas de TI

Você respira tecnologia e sua contabilidade ainda é no papel? Aqui na Conta Junto somos especialistas em atender às demandas digitais. Foque apenas nos códigos e deixe a parte burocrática conosco.

Saiba Mais

Contabilidade para Advogados

Em muitos casos, é bem provável que o(a) Doutor(a) esteja pagando mais impostos do que deveria. Por isso é necessário ter uma contabilidade especializada no seu segmento. Nós da Conta Junto somos já ajudamos nossos clientes a economizarem até 83% com impostos.

Saiba Mais

Contabilidade para Infoprodutores e Afiliados

Se preocupe apenas em alavancar ainda mais suas vendas e produzir conteúdos. A parte burocrática deixe com a gente.

Saiba Mais

Contabilidade para Médicos

Até quando ficará enviando planilhas e extratos para sua contabilidade? E até quando vai ocupar o tempo da sua secretária com a separação de papéis? Com a Conta Junto sua preocupação será com quem mais importa para seu negócio: Seus pacientes.

Saiba Mais

Você é vendedor iniciante e está em dúvida se está progredindo na sua abordagem ou no que deve fazer para conseguir fechar mais vendas?

A literatura da área de vendas é recheada de técnicas e dicas do que um vendedor iniciante deve fazer para melhorar suas vendas. Neste post, falaremos de três dicas apresentadas no artigo Vendas Grandes – Quem realmente faz as compras? de Thomas Bonoma, professor da Harvard Business School.

1 – Qual a reação do comprador?

Um dos princípios identificados por Bonoma exige que o vendedor seja capaz de saber ler as reações e emoções que o comprador expressa diante do produto negociado.

As reações são sempre as chaves para entender mais sobre as objeções, hesitações e euforias que o comprador pode ter. Há certamente algumas dessas expressões que você já conhece, por exemplo:

– Você falou algo que fez o comprador pensar e hesitar dizer não,

– Você falou algo que fez o comprador rejeitar de vez,

– Você mostrou um produto que o comprador chegou a perguntar o valor,

– Você falou algo que fez o comprador ganhar maior interesse.

Há várias outras reações que você deve mapear e ser capaz de trabalhar para conseguir se conectar melhor com o cliente e convencê-lo a comprar o produto. A partir deste mapeamento, formule estratégias do que fazer para lidar com cada situação. (Quer saber o que fazer para quebrar objeções em vendas? Veja aqui:
Como quebrar objeções em vendas)

vendas

2 – Estou conseguindo progredir?

Outra dica importante está ligada a saber identificar se sua abordagem está progredindo. Ou seja, você deve aprender a identificar quando deve se empenhar naquela venda ou se deve desistir.

Numa abordagem de vendas, é natural que você tenha apenas poucos segundos para tomar decisões e saber se deve prosseguir na abordagem ou abandonar. Para ajudar nessas decisões, faça uma lista de falas e situações que servem de gatilhos para você tomar essas decisões. (Veja aqui algumas dicas de como melhorar sua abordagem: 3 dicas para melhorar sua abordagem de vendas)

3 – Quem é o verdadeiro tomador de decisão?

Por fim, outra pergunta essencial em qualquer abordagem de vendas é: quem realmente toma a decisão de comprar?

Esse é um dos pontos mais importantes em um processo de vendas. Antes de tentar vender qualquer coisa, é fundamental saber quem irá realmente tomar a decisão de comprar. Por exemplo, se o seu cliente é casado, é muito provável que a decisão de compra seja condicionada à esposa.

É muito comum que o homem até tenha interesse e esteja decidido a comprar algo, mas a maior objeção na sua cabeça é:

O que a minha esposa vai pensar se eu comprar isto? Ou seja, quem toma a decisão final da compra é a esposa.

O mesmo acontece com crianças, adolescentes e outros tipos de clientes. Portanto, sua tarefa como vendedor é identificar quem é o verdadeiro tomador de decisão e trabalhar o seu cliente em relação àquela objeção.

No caso do homem casado, tente pontuar que a esposa também gostará do produto, ou até mesmo tente oferecer outro produto que agradará a esposa de maneira direta. Tenha em mente que enquanto você não levar em consideração as vontades e desejos da esposa, o cliente não fecha a compra.

vendas

Conclusão

Para que você possa recapitular o que foi dito no texto e possa acrescentar as 3 perguntas essenciais ao seu repertório de vendedor:

1. Qual a reação do comprador? Ou seja, procure identificar as reações e emoções que o comprador tem diante do seu produto. Como ele reage, qual o seu interesse, qual estímulo fez ele reagir.

2. Estou conseguindo progredir? Saiba reconhecer quando uma venda está progredindo e quando não está. Quando você deve insistir ou não.

3. Quem é o verdadeiro tomador de decisão? Saiba identificar a pessoa final que toma a decisão de compra e elabora estratégias para conseguir convencer.

Gostou deste texto e gostaria de uma assessoria para trabalhar os pontos fracos da sua empresa? Clique aqui e fale conosco.

Veja mais artigos do nosso blog:

Descubra todos os custos que afetam o preço de um produto

Descubra todos os custos que afetam o preço de um produto

Definir preço é uma dessas tarefas que todo empreendedor acha difícil e logo perde a paciência em querer aprender. Porém, a realidade é que encontrar o preço correto para um produto é bastante fácil, mas depende de que se conheça todos os custos que afetam o preço do produto.

4 estratégias de precificação para te ajudar a vender muito

4 estratégias de precificação para te ajudar a vender muito

A precificação de um produto é o ponto mais importante de qualquer empresa. O preço é o principal responsável pelo sucesso ou fracasso de qualquer negócio. Neste artigo, vamos te ensinar 4 estratégias de precificação imperdíveis! Um erro de precificação pode fazer com que sua empresa nunca avance e acabe num eterno de estado movediço, onde o empreendedor trabalha, trabalha, mas nada acontece.

11 erros de precificação para você jamais cometer

11 erros de precificação para você jamais cometer

Você é daqueles empreendedores que está sempre perdido com os próprios preços e nunca sabe se está fazendo certo ou errado? Este artigo é para você. 11 erros de precificação que você deve evitar a qualquer custo.

Conheça nossos serviços:

Contabilidade para Youtubers

Nossa Contabilidade para Youtubers é focada em gerar o menor trabalho possível para o produtor de conteúdo, deixando você livre para focar no que mais importa: produzir seus conteúdos!

Saiba Mais

Contabilidade para MEI

Ganhe destaque com seu Microempreendimento por meio de um CNPJ. Evite dores de cabeça e contrate a nosssa contabilidade especializada para MEI. Estaremos lado a lado para ajudar no crescimento do seu negócio.

Saiba Mais

Contabilidade para Prestadores de Serviços

Você teve a oferta ideal para trabalhar naquela empresa que tanto queria. Mas te pedem abrir uma PJ e você não sabe por onde começar. Deixe a burocracia com a Conta Junto e usufrua do seu novo trabalho.

Saiba Mais

Contabilidade para Empresas de TI

Você respira tecnologia e sua contabilidade ainda é no papel? Aqui na Conta Junto somos especialistas em atender às demandas digitais. Foque apenas nos códigos e deixe a parte burocrática conosco.

Saiba Mais

Contabilidade para Advogados

Em muitos casos, é bem provável que o(a) Doutor(a) esteja pagando mais impostos do que deveria. Por isso é necessário ter uma contabilidade especializada no seu segmento. Nós da Conta Junto somos já ajudamos nossos clientes a economizarem até 83% com impostos.

Saiba Mais

Contabilidade para Infoprodutores e Afiliados

Se preocupe apenas em alavancar ainda mais suas vendas e produzir conteúdos. A parte burocrática deixe com a gente.

Saiba Mais

Contabilidade para Médicos

Até quando ficará enviando planilhas e extratos para sua contabilidade? E até quando vai ocupar o tempo da sua secretária com a separação de papéis? Com a Conta Junto sua preocupação será com quem mais importa para seu negócio: Seus pacientes.

Saiba Mais

Aumentar as vendas de um negócio é uma tarefa simples, mas requer tempo e dedicação. Se você é dono de negócio, é essencial que esteja sempre pesquisando e elaborando estratégias para aumentar suas vendas.

Para isso, há diversas táticas possíveis de serem implementadas em empresas de qualquer área. Segue a leitura que apresentaremos seis tática infalíveis para aumentar as vendas do seu negócio:

1 – Ofereça upgrades

Nossa primeira dica é oferecer upgrades para os seus produtos e serviços. Uma vez que você tenha uma carteira de clientes para determinado produto ou serviço seu, elabore uma atualização para oferecer novamente a esses clientes.

A partir disso, é possível gerar um modelo de vendas recorrentes para o seu negócio e garantir o retorno desses clientes.

2 – Ouça os seus clientes

Ouça os seus clientes. Jamais perca o contato e a possibilidade de alcançar novamente os seus clientes. Somente assim é possível aprender e saber mais sobre seus desejos e necessidades. Com isso, você poderá elaborar novos produtos para continuar atendendo as necessidades dos seus clientes.

Toda vez que estiver em dúvida sobre o que fazer para aumentar o faturamento da sua empresa, não desperdice tempo tentando criar novos produtos e buscando “adivinhar” o que as pessoas querem, fale diretamente com a sua clientela e procure ouvir o que eles desejariam ver e consumir na sua empresa.

3 – Melhore o atendimento ao cliente

De maneira conectada ao ponto anterior, sempre melhore o atendimento ao cliente na sua empresa. Lembre-se que a cada vez que um cliente se sente bem tratado e recebido por uma empresa, mais ele se sente atraído a retornar, indicar e procurar novamente. (Para saber mais sobre o que fazer para melhorar o atendimento ao cliente na sua empresa, veja este texto: Como melhorar o atendimento ao cliente na sua empresa)

4 – Crie uma esteira de produtos

Elabore uma esteira de produtos para sua empresa, isto é, crie combos e ofertas estratégicas para oferecer mais de um produto ou serviço. De maneira simples, uma esteira de produtos é uma estratégia em que vários produtos são oferecidos em série para o cliente.

Por exemplo, se você é dono de academia, pode utilizar uma aula gratuita para atrair novos clientes e, a partir daí, oferecer novos serviços que vão “acumulando”. Você pode criar um valor para aulas usuais de musculação e valores superiores para musculação junto com jiu-jitsu, e assim por diante. Note ainda que esse tipo de estratégia pode ser utilizada para qualquer produto ou serviço. (Para saber mais sobre como utilizar a estratégia da esteira de produtos, recomendamos este texto: Aprenda a gerar vendas recorrentes para sua loja)

5 – Anuncie

Uma tática de vendas comum, mas frequentemente subestimada é o anúncio. Há diversas formas de anúncio tanto virtuais, quanto físicas. Não importa qual seja, esteja sempre anunciando e divulgando a sua empresa.

Ainda que não tenha dinheiro o suficiente para anúncios mais caros, invista em materiais de divulgação mais simples, como bons cartões de visita, adesivos, e outros brindes. Tudo isso servirá para divulgar a imagem da sua empresa e expandir o seu alcance.

Como aumentar as vendas

6 – Aumente a presença digital da sua empresa

Por fim, nossa última tática para aumentar suas vendas é investir na presença digital da sua empresa. Hoje, quase não há outras formas de anúncio e investimento capazes de oferecer a mesma possibilidade de alcance e divulgação das redes sociais e da internet.

Aumentar a presença digital da sua empresa é importante por criar canais de aproximação com a sua clientela. A partir disso, é possível desenvolver diversas formas de captar novos clientes, bem como criar uma audiência própria para os anúncios da sua empresa. (Para saber mais sobre como utilizar as redes sociais para turbinar suas vendas, veja este link: Como turbinar suas vendas usando o Instagram).

Conclusão

Há diversas táticas infalíveis para aumentar as vendas de qualquer empresa. Embora elas demandem tempo e esforço para serem executadas, elas são simples e muitos eficazes. As táticas que apresentamos foram as seguintes:

 1 – Ofereça upgrades,

2 – Ouça e entenda a sua clientela,

3 – Trabalhe e elabore esteiras de produtos,

4 – Anuncie da forma que for possível,

5 – Melhore o atendimento ao cliente,

6 – Invista na presença digital da sua empresa.

Gostou deste texto e gostaria de saber outras formas de aumentar o faturamento da sua empresa? Clique aqui e fale conosco!

Veja mais artigos do nosso blog

Contabilidade para profissionais da saúde

Contabilidade para profissionais da saúde

A contabilidade é um dos setores que mais auxiliam um profissional da saúde a abrir sua clínica. A área da saúde possui uma importância muito grande e os serviços oferecidos por ela são essenciais. Por esse motivo, quando um profissional da área da saúde enfim se forma, ele passa a ter diversas opções para trabalhar. Uma das melhores maneiras é por meio da abertura de uma empresa na área.

Como abrir uma clínica de radiologia

Como abrir uma clínica de radiologia

Você com certeza já foi a uma clínica de radiologia, não é? Mas já lhe ocorreu abrir uma? Empreender nessa área pode ser bem lucrativo. Isso se deve a um bom potencial para se explorar no mercado. São exames úteis para diagnosticar eventuais doenças, principalmente na odontologia.

Contabilidade para clínica veterinária

Contabilidade para clínica veterinária

Saiba tudo sobre a contabilidade para clínica veterinária. Um dos setores que mais estão crescendo é o setor veterinário. Pois, assim como a saúde humana, a saúde de nossos amigos de 4 patas se tornou importante também. Por esse motivo, muitos estão abrindo clínicas veterinárias para prestar esse suporte aos animais.

Conheça nossos serviços:

Contabilidade para Youtubers

Nossa Contabilidade para Youtubers é focada em gerar o menor trabalho possível para o produtor de conteúdo, deixando você livre para focar no que mais importa: produzir seus conteúdos!

Saiba Mais

Contabilidade para MEI

Ganhe destaque com seu Microempreendimento por meio de um CNPJ. Evite dores de cabeça e contrate a nosssa contabilidade especializada para MEI. Estaremos lado a lado para ajudar no crescimento do seu negócio.

Saiba Mais

Contabilidade para Prestadores de Serviços

Você teve a oferta ideal para trabalhar naquela empresa que tanto queria. Mas te pedem abrir uma PJ e você não sabe por onde começar. Deixe a burocracia com a Conta Junto e usufrua do seu novo trabalho.

Saiba Mais

Contabilidade para Empresas de TI

Você respira tecnologia e sua contabilidade ainda é no papel? Aqui na Conta Junto somos especialistas em atender às demandas digitais. Foque apenas nos códigos e deixe a parte burocrática conosco.

Saiba Mais

Contabilidade para Advogados

Em muitos casos, é bem provável que o(a) Doutor(a) esteja pagando mais impostos do que deveria. Por isso é necessário ter uma contabilidade especializada no seu segmento. Nós da Conta Junto somos já ajudamos nossos clientes a economizarem até 83% com impostos.

Saiba Mais

Contabilidade para Infoprodutores e Afiliados

Se preocupe apenas em alavancar ainda mais suas vendas e produzir conteúdos. A parte burocrática deixe com a gente.

Saiba Mais

Todo mundo um dia já foi abordado por aquele vendedor que simplesmente salta na sua frente e começa a falar e falar sobre um determinado produto. Há aqueles que insistem e até nos persegue para comprar o produto, ou cedermos algum momento de atenção.

Desnecessário dizer que abordagens assim são poucos efetivas e são quase uma aula do que não fazer no momento de abordar alguém e oferecer um produto. Por isso, neste texto resolvemos trazer três dicas de como realizar uma boa abordagem de vendas sem incomodar o seu cliente ou ter que pressioná-lo a comprar o seu produto:

Jamais seja rude

A primeira dica para uma abordagem de vendas é jamais ser rude. Essa parece uma afirmação óbvia, mas, acredite, todos os dias milhares de vendedores a ignoram e acabam jogando suas frustrações e falta de educação no cliente.

Evite sempre ser essa pessoa. Seja em uma abordagem de rua, por ligação, ou em uma reunião, jamais seja rude. Jamais destrate o cliente. Seja sempre educado, elabore sua frase de introdução, fale-a e, caso a pessoa não tenha interesse, aceite o não, deseja uma boa tarde e saia. Jamais feche a cara e saia dali com raiva, ou trate mal aquela pessoa.

Ao fazer isso, pode ter certeza que você pode até não ter causado uma boa impressão  com o seu produto, mas certamente deixará uma boa impressão com sua educação. Após notar sua educação, algumas pessoas até se sentem mal e resolvem lhe dar um pouco mais de atenção. Portanto, aprenda a utilizar a educação e a gentileza a seu favor.

Primeiro a dor, depois o produto

Nossa segunda dica para uma boa abordagem de vendas é jamais falar logo de cara sobre o produto. Vender é exatamente igual a pescar. Você deve ter paciência antes de puxar o anzol e tirar o peixe da água. Gaste os primeiros minutos tentando entender quais as dores e expectativas do cliente.

Procure saber o que ele espera de um produto do tipo de você vende, quais são as dores e objeções que ele enxerga nos produtos daquela área.

Somente depois de estabelecer alguma conexão com o cliente e ter a certeza de que você sabe como ajudá-lo é que você deve oferecer o produto. Busque o produto e a solução que melhor se encaixa no tipo de problema que ele enfrenta. Mais ainda, mesmo que você não tenha o produto, recomende alguma pessoa ou loja capaz de resolver o problema dele. Com isso, ele pode até não comprar com você, mas saberá que você possui algum grau de autoridade naquele assunto.

como melhorar a abordagem de vendas

“Se não agora, então quando?”

Nossa última dica é a regra de ouro para qualquer pessoa que vende, desde um brigadeiro até imóveis e outros serviços. De uma maneira geral, a regra consiste em jamais terminar uma abordagem de vendas com um mero “Não”. Se o cliente recusou o seu produto, imediatamente tente continuar a conversa com um:

Se você não quer agora, há algum momento do futuro que teria interesse em comprar o meu produto?”

Em outras palavras:

Se não agora, então quando?

A ideia é conseguir abertura para que você possa trazer o seu produto para aquela pessoa em outro momento.

Com isso, você consegue uma visita futura e já alguma possibilidade de venda. Essa é a melhor técnica para que você não acabe sempre perdendo as pessoas que aborda e, assim, consiga estabelecer conexões futuras para continuar trabalhando.

Respeitar cada uma dessas dicas certamente o ajudará a obter mais sucesso em suas abordagens de vendas. Claro, há situações em que você não terá tempo suficiente para desenvolver todas. Porém, tente se beneficiar o máximo possível delas. Se não conseguir seguir todas, faça o esforço de jamais desrespeitar a primeira.  Com certeza você deixará uma boa impressão em cada pessoa abordada e conseguirá obter muito mais sucesso em suas vendas.

Gostou deste texto e gostaria de uma consultoria para sua empresa? Clique aqui e fale conosco!

Veja mais artigos do nosso blog:

Descubra todos os custos que afetam o preço de um produto

Descubra todos os custos que afetam o preço de um produto

Definir preço é uma dessas tarefas que todo empreendedor acha difícil e logo perde a paciência em querer aprender. Porém, a realidade é que encontrar o preço correto para um produto é bastante fácil, mas depende de que se conheça todos os custos que afetam o preço do produto.

4 estratégias de precificação para te ajudar a vender muito

4 estratégias de precificação para te ajudar a vender muito

A precificação de um produto é o ponto mais importante de qualquer empresa. O preço é o principal responsável pelo sucesso ou fracasso de qualquer negócio. Neste artigo, vamos te ensinar 4 estratégias de precificação imperdíveis! Um erro de precificação pode fazer com que sua empresa nunca avance e acabe num eterno de estado movediço, onde o empreendedor trabalha, trabalha, mas nada acontece.

11 erros de precificação para você jamais cometer

11 erros de precificação para você jamais cometer

Você é daqueles empreendedores que está sempre perdido com os próprios preços e nunca sabe se está fazendo certo ou errado? Este artigo é para você. 11 erros de precificação que você deve evitar a qualquer custo.

Conheça nossos serviços:

Contabilidade para Youtubers

Nossa Contabilidade para Youtubers é focada em gerar o menor trabalho possível para o produtor de conteúdo, deixando você livre para focar no que mais importa: produzir seus conteúdos!

Saiba Mais

Contabilidade para MEI

Ganhe destaque com seu Microempreendimento por meio de um CNPJ. Evite dores de cabeça e contrate a nosssa contabilidade especializada para MEI. Estaremos lado a lado para ajudar no crescimento do seu negócio.

Saiba Mais

Contabilidade para Prestadores de Serviços

Você teve a oferta ideal para trabalhar naquela empresa que tanto queria. Mas te pedem abrir uma PJ e você não sabe por onde começar. Deixe a burocracia com a Conta Junto e usufrua do seu novo trabalho.

Saiba Mais

Contabilidade para Empresas de TI

Você respira tecnologia e sua contabilidade ainda é no papel? Aqui na Conta Junto somos especialistas em atender às demandas digitais. Foque apenas nos códigos e deixe a parte burocrática conosco.

Saiba Mais

Contabilidade para Advogados

Em muitos casos, é bem provável que o(a) Doutor(a) esteja pagando mais impostos do que deveria. Por isso é necessário ter uma contabilidade especializada no seu segmento. Nós da Conta Junto somos já ajudamos nossos clientes a economizarem até 83% com impostos.

Saiba Mais

Contabilidade para Infoprodutores e Afiliados

Se preocupe apenas em alavancar ainda mais suas vendas e produzir conteúdos. A parte burocrática deixe com a gente.

Saiba Mais